Cotidiano

Homens rendem piloto de helicóptero e tentam resgatar preso

O piloto simulou uma pane no sistema da aeronave para amedrontar os criminosos

Da Redação ·

Um piloto da Polícia Civil do Rio de Janeiro foi rendido por dois homens quando pilotava um helicóptero particular. O agente teve que fazer manobras arriscadas sobre o Batalhão da Polícia Militar em Bangu para poder fugir dos criminosos. 

continua após publicidade

De acordo com as informações da PC, os supostos passageiros contrataram um voo para Angra dos Reis na tarde deste domingo (19), com retorno para a capital carioca nesta segunda-feira (20). Como o piloto que fez o voo não estava se sentindo bem, solicitou ajuda de outro colega.

Ele foi rendido, já no ar, com uma arma, e foi obrigado a ir até o Complexo Penitenciário de Bangu. Segundo as autoridades, os assaltantes queriam que o piloto sobrevoasse a penitenciária. 

continua após publicidade

O piloto entrou em luta corporal com os homens durante o voo e, por conta da possibilidade da aeronave cair, os criminosos desistiram do plano. 

Em nota, a polícia informou que quando sobrevoava o batalhão, o piloto fez uma manobra para simular um queda e a dupla deixou que ele voltasse a pilotar. Ainda segundo a polícia, os criminosos ordenaram que o piloto voasse até Niterói, na Região Metropolitana. Os homens pularam da aeronave e fugiram para uma região de mata.

A polícia irá investigar o caso.