Cotidiano

Homem que virou meme com o bordão 'me dê, papai' morre aos 56 anos

O responsável pelo meme era conhecido como "Zé Iaiá" e morreu por conta de uma parada cardíaca

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Iatami era mais conhecido como "Zé Iaiá"
fonte: Reprodução/Redes Sociais
Iatami era mais conhecido como "Zé Iaiá"

O autor do bordão "me dê, papai", que virou meme nas redes sociais, morreu na tarde desse domingo (3), em Tauá, Ceará. Iatami Alves Bezerra era conhecido como "Zé Iaiá" e ficou famoso nas redes sociais por volta de 2015, por conta de um vídeo onde utiliza o bordão. 

continua após publicidade

Testemunhas informaram que Iatami passou mal e desmaiou em frente a um bar. Na sequência, a Polícia Militar (PM) foi acionada, mas, quando chegaram no local, já havia uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Conforme os socorristas, "Zé Iaiá" já estava sem vida. Ele tinha 56 anos e sua morte ocorreu por conta de uma parada cardíaca

continua após publicidade

Nas imagens de Zé Iaiá que viralizaram, ele é questionado por outra pessoa se quer bolacha, leite ou comer e ele responde negativamente, fazendo uma cara de choro. Quando perguntado se quer cachaça, Zé sorri e diz: "me dê, papai".

O vídeo de Zé publicado no YouTube tem 1,6 milhão de visualizações e foi compartilhado em diversas páginas de humor.

Com informações do g1.

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News