MAIS LIDAS
VER TODOS

Cotidiano

EUA reduzem fila e emitem mais de 1 milhão de vistos para brasileiros em 2023

A Embaixada e os Consulados dos Estados Unidos no Brasil anunciaram nesta sexta-feira, 5, que emitiram 1,125 milhão de vistos para brasileiros em 2023. Os órgãos não informaram se esse é um recorde, mas trataram o número como "uma conquista histórica".

Fabio Grellet (via Agência Estado)

·
Escrito por Fabio Grellet (via Agência Estado)
Publicado em 06.01.2024, 14:26:00 Editado em 06.01.2024, 14:32:49
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

A Embaixada e os Consulados dos Estados Unidos no Brasil anunciaram nesta sexta-feira, 5, que emitiram 1,125 milhão de vistos para brasileiros em 2023. Os órgãos não informaram se esse é um recorde, mas trataram o número como "uma conquista histórica". A marca foi alcançada seis meses depois de um recorde - este, segundo o escritório de advocacia AG Immigration, especializado em questões migratórias, com base em dados do Departamento de Estado daquele país: na semana de 5 a 9 de junho de 2023, a demora para conseguir o visto no Consulado dos Estados Unidos em São Paulo era de 630 dias, a maior registrada na série histórica feita pelo escritório. Naquele momento, São Paulo era a nona cidade do mundo com maior demora para obtenção do visto tipo B1/B2, de turismo e negócios, e o Brasil era o sétimo país com a maior demora para concessão de visto, segundo o ranking feito pela AG Immigration, que para essa classificação considera a média de todos os postos diplomáticos existentes em cada nação. No Brasil, existem cinco cidades onde é possível obter o visto: além de São Paulo, no Rio de Janeiro, em Brasília, em Porto Alegre e no Recife. A demora registrada até junho, resultante do acúmulo de pedidos durante a pandemia de covid-19, quando os Estados Unidos chegaram a suspender as concessões, foi solucionada com a adoção de medidas pelos postos consulares. "Aumentamos o número de funcionários consulares em todo o País, abrimos centenas de milhares de novos agendamentos, priorizamos vistos para estudantes que retornam aos estudos e simplificamos o processo de renovação de vistos para melhor atender aos viajantes brasileiros", afirma nota emitida pela embaixada e pelos consulados. Nesta sexta-feira, o tempo de espera para uma entrevista de concessão de visto no consulado de São Paulo era de seis dias. "Estamos entusiasmados em testemunhar um aumento tão substancial nas emissões de vistos. Esta conquista destaca não apenas os laços fortes entre nossas duas nações, mas também demonstra o crescente interesse dos brasileiros em explorar oportunidades de turismo e educação nos EUA", disse Scott Riedmann, ministro conselheiro interino para Assuntos Consulares da Embaixada e Consulados dos EUA. O que fazer para tirar visto para os EUA? Preencha o formulário DS-160 e imprima a página de confirmação: https://ceac.state.gov/genniv/ Acesse o Sistema de Agendamentos para pagar a taxa de solicitação e agendar uma entrevista: https://ais.usvisa-info.com/ A AG Immigration fez um passo a passo do procedimento: Preencha o formulário DS-160 no site do Departamento de Estado dos EUA. Antes, certifique-se de estar com seu passaporte em mãos. O preenchimento é em inglês, menos quando o formulário pede que seu nome seja escrito na língua nativa (no caso, português). Após o preenchimento, imprima a página de confirmação do DS-160 com a sua identificação (Application ID). Em seguida, acesse o site do CASV (Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto) e preencha o formulário, escolhendo o visto de negócio e turismo (B1/B2); Pague a taxa de solicitação do visto (MRV) via boleto bancário ou cartão de crédito internacional. Depois que o pagamento for compensado, marque os agendamentos. São dois: um no CASV e outro no consulado. Em Porto Alegre, os dois ficam no mesmo local. Se houver disponibilidade, ambos os agendamentos poderão ser feitos para o mesmo dia. Atenção: o agendamento no CASV precisa ser marcado antes da entrevista no consulado, mas o sistema pede que você primeiro selecione a data do consulado. Em seguida, imprima a página de confirmação do agendamento. O agendamento no CASV serve para a coleta de foto e digitais (biometria). É preciso levar o passaporte atual e anteriores (se tiver) e as páginas impressas de confirmação do DS-160 e do agendamento. Já no consulado, um oficial fará perguntas sobre o motivo da viagem e poderá pedir documentos que comprovam seu vínculo com o Brasil e informações que você deu ao preencher o formulário DS-160. Os consulados e a embaixada proíbem a entrada com celular, aparelhos eletrônicos e objetos cortantes ou inflamáveis. Mas na porta da embaixada e dos consulados existem guarda-volumes particulares, para que a pessoa deixe seu celular e demais itens. Caso o visto seja aprovado, um oficial consular ficará com o seu passaporte e em até 15 dias você receberá um e-mail com as informações de quando buscá-lo (caso não tenha escolhido a opção de envio para seu endereço mediante pagamento de taxa). Você tem até 30 dias para buscá-lo, a partir da data informada.

continua após publicidade
Onde posso tirar o visto americano no Brasil?

Você pode tirar seu visto na embaixada dos EUA em Brasília ou em um dos postos consulares, em São Paulo, Rio de Janeiro, Recife ou Porto Alegre.

Quanto tempo dura o visto?

O visto para turista (categoria B1/B2) pode valer por até 10 anos. Dentro do prazo de validade, a pessoa pode viajar aos Estados Unidos quantas vezes quiser. Se ela tem o visto de turista, a cada viagem o oficial de imigração estipula um prazo máximo de permanência e ela precisa respeitar esse prazo (de até seis meses).

continua após publicidade
Quanto tempo demora para receber o visto, depois da entrevista?

A seção consular tem até 15 dias úteis para devolver o passaporte.

Quais os motivos mais frequentes para ter o visto negado?

Consultada pela reportagem, a Embaixada dos Estados Unidos informou que "todos os solicitantes de visto devem demonstrar ao oficial consular que não têm intenção de usar seu visto de visitante para permanecer indefinidamente nos EUA e que possuem os recursos e a intenção de pagar por todos os gastos de sua viagem". Segundo a Embaixada, a taxa de aprovação de vistos no Brasil é de 85%. Segundo a AG Immigration, os principais motivos de negativa são: não demonstrar vínculos com Brasil e, portanto, o oficial consular não ter certeza de que a pessoa vai retornar ao País. Se a pessoa já tiver viajado para outros países (principalmente na Europa e América do Norte) antes de solicitar o visto norte-americano, fica mais fácil obter o documento. mentir no DS-160. A pessoa diz no formulário que é influenciadora, por exemplo, e quando perguntada da profissão na entrevista afirma que é vendedora. Ou diz que não tem parente nos EUA, mas o oficial consular descobre que ela tem. É importante que na entrevista a pessoa diga exatamente o que escreveu no DS-160 e não minta. Quando se passa muito tempo entre a entrega do formulário e a entrevista, a pessoa corre maior risco de esquecer o que informou no formulário. não comprovar condições financeiras de se manter nos EUA pelo período da viagem. Não levar todos os documentos necessários. Se no formulário DS-160, por exemplo, a pessoa afirma que ganha R$ 10 mil reais, ela deve levar à entrevista os documentos comprobatórios dessa renda. Se eles forem solicitados pelo oficial consular e a pessoa não apresentar, pode ter o visto negado. Outro problema é se apresentar como empresário no formulário, mas não levar à entrevista o contrato social ou imposto de renda da empresa. Violação do visto anterior: o Brasil é o 9º país do mundo com mais pessoas violando o tempo de permanência do visto - quando o viajante recebe autorização para ficar 30 dias e acaba ficando 31 ou mais, por exemplo. Isso pode prejudicar pedidos de renovação ou mesmo de um novo visto.

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Cotidiano

    Deixe seu comentário sobre: "EUA reduzem fila e emitem mais de 1 milhão de vistos para brasileiros em 2023"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!