Doria ameaça judicializar Saúde se não houver resposta sobre leitos e seringas - TNOnline
Mais lidas

    Cotidiano

    Cotidiano

    Doria ameaça judicializar Saúde se não houver resposta sobre leitos e seringas

    Escrito por Da Redação
    Publicado em 05.02.2021, 14:23:00 Editado em 05.02.2021, 14:29:00
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou que se até o final do dia desta sexta-feira, 5, não tiver resposta positiva com relação ao fechamento de 3.258 leitos de Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) da covid-19 no Estado e a falta de oferta de seringas do Ministério da Saúde, na segunda feira, o assunto será judicializado.

    Durante a coletiva desta sexta, tanto o governador quanto o secretário estadual de Saúde, Jean Carlo Gorinchteyn, criticaram a redução de investimentos do Ministério da Saúde com em Unidades de Tratamento Intensivo em todo o País, e a falta de comunicação da pasta com relação as 15 milhões de seringas e agulhas que deveriam ser distribuídas a todos os Estados pela pasta.

    Tanto o governador paulista quanto o secretário de saúde acusaram a pasta de quebrar o pacto federativo ao impor desabilitação dos leitos e acusaram o ministério de agir "viés político" no enfrentamento à pandemia no País.

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Cotidiano

    Deixe seu comentário sobre: "Doria ameaça judicializar Saúde se não houver resposta sobre leitos e seringas"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.