Cotidiano

Dia dos Pais: Homem acha filha após 15 anos de procura

Homem viu o anúncio do restaurante na região onde a filha tinha sido criada e pediu ajuda dos funcionários.

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Dia dos Pais: Homem acha filha após 15 anos de procura
fonte: arquivo pessoal
Dia dos Pais: Homem acha filha após 15 anos de procura

Após 15 anos de procura, o editor gráfico Lucas Moura Souza, de 37 anos, conseguiu encontrar uma filha mais velha. Segundo ele, foi através das redes sociais que viu um anúncio de um restaurante do bairro onde a menina mora, em Guarujá, litoral de São Paulo. Na última semana, Lucas pediu ajuda para a dona o estabelecimento, sua conhecida, para reunir informações na região.

continua após publicidade

“Eu trabalhei muitos anos no bairro onde minha filha morou a vida inteira, mas nunca a encontrei. Na semana passada, vi um anúncio de um restaurante que tem lá no Morrinhos 2, e na hora lembrei que era o mesmo bairro. Pedi para a dona, que é uma amiga minha de longa data, para ela especular pelo bairro se existia uma menina de 15 anos com o mesmo nome dela. Falei o nome da mãe também, e disse que ela não conhecia o pai”, contou o editor gráfico em entrevista ao G1.

Minutos depois que a empresária colocou uma mensagem no grupo dos funcionários, informando que Lucas procurava por Luanna, apareceu a confirmação de que a adolescente havia sido localizada.

continua após publicidade

“Ela mandou no grupo do restaurante a história, e o namorado da minha filha era funcionário dela. Ela me mandou mensagem e disse: ‘Lucas, achei a tua filha’. No mesmo momento, eu já entrei em contato com a Luanna”, disse Lucas.

Segundo o homem, quando a mãe de Luanna Santos engravidou, ambos eram jovens usuários de drogas e moravam no Guarujá, no bairro Vila Júlia. Algum tempo depois, a família dele decidiu interná-lo. Lucas conta que avisou à família que a ex-namorada estava grávida e os familiares se propuseram a ajudá-la também. “Ela acabou fugindo e sumiu, foi por isso que ainda não havia encontrado minha filha”, explica o homem.

Conforme Lucas, a adolescente foi criada pela tia e avó maternas. Ao longo desses anos, ele tentou encontrá-la, inclusive pelas redes sociais, mas não conseguiu. Em uma das vezes, chegou a reencontrar a mãe da filha. Pediu a ela que o levasse para conhecer a garota, mas ela desapareceu novamente.

Com informações, Metrópoles.

Tags relacionadas: #Dia dos Pais #São Paulo