MAIS LIDAS
VER TODOS

Cotidiano

Cármen Lúcia pede informações sobre acordos da Braskem com Maceió

A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Cármen Lúcia pediu informações "com urgência e prioridade" para a prefeitura de Maceió e a Braskem sobre os acordos entre ambas acerca dos danos causados pela mineração da empresa na capital de Alagoas. O prazo

Lavínia Kaucz (via Agência Estado)

·
Escrito por Lavínia Kaucz (via Agência Estado)
Publicado em 09.01.2024, 16:56:00 Editado em 09.01.2024, 17:02:28
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Cármen Lúcia pediu informações "com urgência e prioridade" para a prefeitura de Maceió e a Braskem sobre os acordos entre ambas acerca dos danos causados pela mineração da empresa na capital de Alagoas. O prazo para o envio das informações é de 30 dias e começa a contar a partir da notificação dos envolvidos.

continua após publicidade

A Procuradoria-Geral de Justiça de Alagoas e as defensorias públicas de Alagoas e da União, que atuaram no acordo, também deverão se manifestar.

Cármen Lúcia ainda determinou que a Advocacia-Geral da União (AGU) e a Procuradoria-Geral da República (PGR) se manifestem após as autoridades enviarem as informações. O prazo será de 15 dias.

continua após publicidade

A ação foi protocolada em dezembro pelo governador de Alagoas, Paulo Dantas (MDB), para questionar os acordos que dão quitação ampla, geral e irrestrita à empresa pelos danos causados por sua atividade de mineração. Os termos foram firmados em em 2019, 2020 e 2022.

Dantas alegou que Alagoas vive a "maior tragédia socioambiental em área urbana do Brasil" devido ao afundamento do solo de cinco bairros de Maceió causado pela extração de sal-gema pela Braskem. De acordo com o governador, o afundamento foi identificado pela primeira vez em março de 2018.

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Cotidiano

    Deixe seu comentário sobre: "Cármen Lúcia pede informações sobre acordos da Braskem com Maceió"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!