Câmara conclui votação de liberação de fundos para o combate à covid-19 - TNOnline
Mais lidas

    Cotidiano

    Cotidiano

    Câmara conclui votação de liberação de fundos para o combate à covid-19

    Escrito por Da Redação
    Publicado em 18.12.2020, 15:14:00 Editado em 18.12.2020, 15:20:32
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    A Câmara concluiu a votação do Projeto de Lei Complementar 137 (PLP 137) que prevê inicialmente a desvinculação de recursos de fundos setoriais para ações de combate à pandemia do novo coronavírus. O texto final prevê a desvinculação de recursos de 26 fundos setoriais para ações de combate à pandemia do novo coronavírus, totalizando R$ 167 bilhões. O texto segue agora para o Senado.

    O texto-base teve o aval dos deputados nesta quinta, 17, e, nesta sexta-feira, 18, foi aprovado destaque do bloco PL, PP, PSD, Solidariedade e Avante e da bancada do PDT que retirou do projeto trechos do PLP 101/20, do deputado Pedro Paulo (DEM-RJ), que trata da renegociação de débitos de Estados com a União, aprovado pela Câmara na última terça-feira, 15.

    Ontem, uma emenda do deputado Sérgio Souza (MDB-PR) foi aprovada por 302 votos a 116, e retirou da lista os fundos de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust), de Defesa da Economia Cafeeira e de Estabilidade do Seguro Rural. Inicialmente, o projeto previa a desvinculação de recursos de 29 fundos setoriais para ações de combate à pandemia do novo coronavírus, totalizando R$ 177,738 bilhões. Com a aprovação da emenda, o total passou para 26 fundos e R$ 167 bilhões.

    "Os fundos acima listados, cujos recursos se pretende utilizar para o combate à pandemia, têm sua existência não só justificada como necessária, sendo essenciais para os seus respectivos setores. Dessa forma, pretende-se com esta emenda evitar o desvio de destinação desses recursos, que originalmente poderiam ser utilizados para projetos e atividades essenciais para os respectivos setores", diz a emenda.

    Outras emendas propostas pela oposição foram rejeitadas, entre elas as que pediam a desvinculação dos recursos do Fundo Social do Pré-Sal, de R$ 39,214 bilhões; do Fundo Nacional de Habitação de Interesse Social, de R$ 1,651 bilhões; e do Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações, de R$ 2,077 bilhões.

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Cotidiano

    Deixe seu comentário sobre: "Câmara conclui votação de liberação de fundos para o combate à covid-19"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.