MAIS LIDAS
VER TODOS

Internação

Bebê é levada às pressas a hospital após ser atacada por cobra em casa

A criança precisou ficar internada, pois seu quadro de saúde agravou; o pai relata que houve dificuldade na identificação do réptil que a atacou

Da Redação

·
A bebê ficou internada por 14 dias
Icone Camera Foto por Arquivo pessoal
A bebê ficou internada por 14 dias
Escrito por Da Redação
Publicado em 06.04.2023, 17:03:16 Editado em 06.04.2023, 17:03:16
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

Uma bebê, de apenas um ano, precisou ser levada às pressas para um hospital depois de ser atacada por uma serpente dentro de casa. De acordo com Luis Barreto Baptista, pai da vítima, a filha precisou ficar internada por 14 dias por conta da mordida. O fato foi registrado no Guarujá, litoral de São Paulo.

continua após publicidade

Baptista, que é eletricista naval, concedeu uma entrevista ao G1 e explicou como o episódio ocorreu. Conforme ele, a cobra d'água aproveitou o momento em que a criança ficou sozinha para investir contra ela. Tudo aconteceu de forma rápida.

"Minha filha costuma engatinhar atrás de mim pela casa. Decidi dar um banho nela e busquei uma toalha. Achei estranho que ela não me acompanhou. Voltei rapidamente e vi a cobra dando o bote e, depois, indo para trás da geladeira, já se preparando para atacar novamente".

continua após publicidade

A menina foi encaminhada para uma Unidade Pronto Atendimento (UPA) com um ferimento no dedo indicador da mão direita, local em que o réptil a mordeu. Devido ao estado de saúde da pequena, foi necessário transferi-la para o Hospital Santo Amaro (HSA), onde ficou internada.

Luis conseguiu matar a cobra e colocá-la em um frasco. Ele a levou para a instituição de saúde para que os funcionários pudessem identificá-la, a fim de facilitar o atendimento à sua filha. No entanto, Baptista disse ter passado por diversos problemas em relação à identificação do réptil no HSA.

- LEIA MAIS: Homem leva susto após cobra sair de ralo enquanto toma banho; assista

continua após publicidade

Então, Baptista decidiu levar o animal até o Instituto Butantan, na capital paulista. No local, ele recebeu um laudo que descreve a serpente como uma Erythrolamprus Miliaris, popularmente conhecida como cobra d'água. Essa espécie não é considerada venenosa.

Ainda de acordo com o eletricista, o laudo foi entregue à pediatra responsável pelos cuidados da menina no HSA. A criança recebeu alta na última sexta-feira (31). O pai dela, porém, disse que em um exame de sangue da filha ainda havia resquícios de uma suposta infecção pela mordida do animal.

Segundo o homem, foi a primeira vez que uma serpente entrou na residência, situação que ele atribui a uma medida da Prefeitura de Guarujá na região onde mora.

continua após publicidade

De acordo com Baptista, cobras passaram a aparecer onde ele mora após o processo de desocupação e demolição de casas irregulares na área, feito pela prefeitura da cidade litorânea.

 A menina foi mordida na mão direita
Icone Camera Foto por Arquivo pessoal
A menina foi mordida na mão direita

Com informações do G1.

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Cotidiano

    Deixe seu comentário sobre: "Bebê é levada às pressas a hospital após ser atacada por cobra em casa"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!