Cotidiano

Bebê de 21 dias morre após ser atacado por pitbull

O recém-nascido foi atacado pelo cachorro da família quando estava dormindo

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Bebê de 21 dias morre após ser atacado por pitbull
fonte: Daniel Mafra/ EPTV

Uma tragédia foi registrada na tarde desta segunda-feira (17). Um recém-nascido de 21 dias morreu após ser atacado por um cachorro da raça pitbull, em Limeira, São Paulo. 

continua após publicidade

De acordo com as informações da Polícia Civil (PC), a mãe deixou a criança dormindo no quarto, foi tomar banho e pediu que a avó olhasse o bebê. 

Neste momento, o animal de estimação da família entrou no quarto onde o recém-nascido estava e o atacou. O avô precisou dar uma facada no pitbull para que ele soltasse a vítima, segundo a PC. O cão não resistiu ao ferimento e morreu. 

continua após publicidade

Ainda conforme as autoridades, a criança chegou a ser socorrida e levada para uma Unidade de Pronto Atendimento. A prefeitura informou que o bebê chegou no local com parada cardíaca, houve tentativa de reanimação, porém, a equipe de saúde não obteve sucesso. A criança morreu na UPA. 

A mãe ficou em estado de choque e também precisou de atendimento médico.

O delegado plantonista da Polícia Civil e uma equipe de perícia foram até o local para dar início às investigações. Depoimentos ainda serão colhidos durante as apurações. O caso foi registrado no Plantão Policial de Limeira.

continua após publicidade

Caso semelhante

Um homem matou o próprio cachorro, um cão da raça pit bull, para poder interromper o ataque do animal à vizinha. O caso ocorreu na última sexta-feira (14), em Sinop, Mato Grosso. 

De acordo com as informações de testemunhas, o pit bull estava no quintal da residência e o proprietário do animal esqueceu o portão aberto. O cachorro escapou e atacou uma mulher, identificada como Lucimar Tafarel, e 57 anos, que limpava a calçada. 

continua após publicidade

O dono do animal e os moradores da região tentaram fazer com que o cão soltasse a vítima, porém, não obtiveram êxito. Então, o tutor do cachorro pegou uma arma e atirou na cabeça do animal, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local. 

A mulher, vítima do ataque do cão, foi atendida pelo Corpo de Bombeiros.

Com informações do G1.