Após decreto do Governador, Pará restringe entrada de pessoas vindas do Amazonas - TNOnline
Mais lidas

    Cotidiano

    Cotidiano

    Após decreto do Governador, Pará restringe entrada de pessoas vindas do Amazonas

    Após decreto do Governador, Pará restringe entrada de pessoas vindas do Amazonas
    Foto por (Marcelo Camargo/Agência Brasil)
    Escrito por Da Redação
    Publicado em 15.01.2021, 13:50:57 Editado em 15.01.2021, 13:51:24
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    O Pará restringiu a entrada de pessoas vindas do Amazonas, tanto por via terrestre, quanto em embarcações. O novo decreto publicado pelo governador paraense, Helder Barbalho, do MDB, ampliou as restrições, pois já estava proibida a entrada de pessoas vindas do Amazonas pelas hidrovias. Agora, as vias terrestres também estão restritas.

    Apenas poderão ingressar no estado veículos e embarcações com cargas ou passageiros que comprovem que estão se deslocando para realizar alguma atividade considerada essencial. Quem descumprir a norma pode ter que pagar multa de 10 mil reais e ter o veículo ou barco apreendido.

    A medida quer restringir o acesso, principalmente, pela Transamazônica, que liga o Pará ao Amazonas. Segundo o governador Helder Barbalho, a medida é necessária por causa do aumento considerável de casos do novo coronavírus no estado amazonense.

    O governo do Pará ainda solicitou informações a Infraero e a Anac, a Agência Nacional de Aviação Civil, sobre quais medidas estão sendo adotadas para prevenir a entrada do vírus nos aeroportos, já que o controle das fronteiras aéreas é uma obrigação da União.

    O governador do Pará, Helder Barbalho, disse ainda que pediu um reforço da vigilância sanitária para verificar a temperatura e possíveis sintomas dos passageiros que chegam de avião.

    Fonte: Agência Brasil. 


     

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Cotidiano

    Deixe seu comentário sobre: "Após decreto do Governador, Pará restringe entrada de pessoas vindas do Amazonas"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.