Após aglomerações, Rio veta consumo de bebidas após 21h em ambientes externos - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

Cotidiano

Após aglomerações, Rio veta consumo de bebidas após 21h em ambientes externos

Escrito por Da Redação
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

O governo do Estado do Rio publicou decreto nesta sexta-feira, 11, impondo novas medidas restritivas de combate à transmissão do coronavírus. Dentre elas, está a proibição do consumo de bebidas alcoólicas em ambientes externos de bares a partir das 21h - os estabelecimentos, contudo, poderão funcionar até a 1h da madrugada. O estacionamento de veículos particulares na orla também foi vetado aos finais de semana.

O decreto vem dias após bares e praias do Rio registrarem grande aglomeração de pessoas, desrespeitando normas de afastamento social ou até mesmo decretos em vigor, como o que proíbe a permanência de pessoas na areia.

Segundo as determinações autorizadas pelo governador em exercício Cláudio Castro (PSC), bares e restaurantes podem continuar atendendo ao público com 50% da sua capacidade de lotação, até 1h, mas com a proibição do consumo de bebidas alcoólicas em ambiente externo depois das 21h. Música ao vivo e sistema self-service seguem suspensos.

Pelas próximas semanas, também não será permitido, aos sábados, domingos e feriados, o estacionamento de veículos particulares na orla do Rio de Janeiro, no trecho entre as praias do Leme ao Pontal. A exceção é para moradores da região.

Segundo o governo do Estado, as medidas foram definidas em comum acordo com a prefeitura do Rio.

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Deixe seu comentário sobre: "Após aglomerações, Rio veta consumo de bebidas após 21h em ambientes externos"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.