Cotidiano

Aparecida de Goiânia registra dois primeiros casos de Ômicron em Goiás

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

O prefeito de Aparecida de Goiânia (GO), Gustavo Mendanha (sem partido), informou neste domingo, por meio de sua conta no Instagram, que dois casos de covid-19 pela variante Ômicron foram registrados na cidade. Os casos foram identificados após um trabalho de sequenciamento genético. A Secretaria da Saúde de Goiás confirmou em nota que trata-se dos dois primeiros casos da nova cepa no estado.

continua após publicidade

Conforme a nota, duas mulheres, residentes de Aparecida de Goiânia, tiveram contato com viajantes oriundos de Angola, na África. Segundo a secretaria, elas apresentam sintomas leves, sem necessidade de internação, e estão sendo monitoradas pela Vigilância Epidemiológica do município.

Mendanha disse na rede social que o "casal de missionários desembarcou em Guarulhos (SP) no dia 3 de dezembro, realizou teste PCR, que teve resultado negativo". Ambos teriam ficado de 3 a 5 de dezembro em Aparecida de Goiânia e acabaram tendo contato com as duas residentes do município.

continua após publicidade

Ainda de acordo com a secretaria estadual de saúde, há dois casos sob investigação em Valparaiso de Goiás. "Os pacientes chegaram de viagem recente à África e também apresentam sintomas leves, sem necessidade de internação, e são acompanhados pelo município", diz o comunicado. "O material para realização do sequenciamento genético, que identifica a cepa, foi coletado e o resultado está previsto para ser liberado na próxima terça-feira (14/12)."

O governo de São Paulo confirmou neste sábado a identificação do quarto caso da variante Ômicron da covid-19 no estado. Fora de São Paulo, até a tarde de ontem, havia pelo menos três casos confirmados da nova cepa no Distrito Federal e um em Porto Alegre.

Na noite deste sábado, o Brasil contabilizava 126 mortes pela covid-19 nas últimas 24 horas. A média semanal de vítimas, que elimina distorções entre dias úteis e fim de semana, ficou em 179, segundo o Consórcio de Imprensa do qual o Estadão faz parte.