Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

PRF apreende 48 quilos de maconha, prende homicida e mais três pessoas

.

Foto/ PRF-PR
Foto/ PRF-PR

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, na tarde deterça (24), quase 50 quilos de maconha em Irati, no sudeste do Paraná. Além disso, recuperou um SUV roubado em 2016 e prendeu um homem que era procurado por homicídio.

Por volta das 17h30, agentes da PRF deram ordem de parada a um motorista que dirigia um Kia Sportage na BR-277, em Irati. Este desobedeceu a ordem e fugiu. Cerca de três quilômetros depois, ele foi abordado e, no interior do carro, encontraram 61 tabletes de maconha no porta-malas. Enquanto o motorista, um homem de 33 anos e a passageira, uma mulher de 37 eram detidos e algemados, os policiais desconfiaram da reação de uma motorista de um Ford Ka, que passava no momento da abordagem.

Uma equipe de PRFs abordaram a motorista, de 42 anos, que transportava sua filha de 3 anos e mais um passageiro, um homem de 32 anos. Durante a fiscalização, a motorista não sabia o nome do homem que estava sendo transportado, o que aumentou a suspeição pelos policiais, que levaram os dois carros e as pessoas para uma fiscalização mais minuciosa na Unidade Operacional (UOp) da PRF em Irati.

Na UOp, verificaram que o homem que estava no Ka apresentou uma CNH com indícios de falsificação. Ainda, dentro de uma bolsa, os policiais encontraram roupas e documentos do motorista preso anteriormente com a maconha, confirmando a relação das pessoas com o tráfico de drogas. Foram encontrados, também, cupons fiscais de abastecimento dos dois carro, confirmando a suspeita dos policiais. E, por fim, os policiais encontraram uma CNH em uma mochila, com uma foto igual ao do homem que estava no Ka, mas esta era verdadeira. E após pesquisas pelo nome correto do homem, foi confirmado um mandado de prisão em aberto, expedido pelo Tribunal de Justiça do Paraná, pelo crime de homicídio.

Diante dos fatos, todas as pessoas foram presas por tráfico de drogas e associação ao tráfico. O motorista que levava as drogas será indicado por receptação de veículo roubado e uso de documento falso. O procurado pela justiça também responderá por uso de documento falso. A ocorrência foi encaminhada para a Polícia Federal em Ponta Grossa e a criança de 3 anos foi entregue ao Conselho Tutelar de Irati.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber