Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Mãe de menina morta com 35 facadas já tinha perdido filho adolescente assassinado a tiros

.

A morte da adolescente Emanuelle Souza Batista, de 14 anos, que foi morta por uma amiga com 35 facadas, trouxe à tona um antigo pesadelo para a mãe dela, a recepcionista Rênia de Souza, 38, em Rio Verde, na região sudoeste de Goiás. Há menos de três anos, ela perdeu outro filho, Bruno Souza Gomes, à época com 16 anos, também assassinado, mas a tiros.

Uma estudante de 15 anos foi apreendida e confessou ter matado Emanuelle e ateado fogo ao corpo após atrai-la para um matagal. Ela alegou que cometeu o ato infracional porque a vítima estaria falando mal dela nas redes sociais.

Dois suspeitos de matar Bruno também foram detidos, no final do ano passado. Segundo a investigação, a vítima teria se envolvido com a ex-namorada de um dos suspeitos e foi executada após uma emboscada.

"Difícil, mas não posso trazer eles de volta. Vou ao psiquiatra e estou fazendo tratamento. Estou tomando remédio, senão ficaria louca", disse.

(Com informações do G1)

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber