Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Olimpíadas no Japão: quanto custa assistir?

.

De 24 de julho a 9 de agosto, o mundo estará com os olhos voltados para o Japão, em virtude da realização das Olimpíadas de 2020. Mais de 4,5 milhões turistas são esperados para os jogos olímpicos e ainda dá tempo de torcer ao vivo na cidade de Tóquio.

Pode não ser tão barato, mas acompanhar toda a movimentação em Tóquio tão de perto e ainda conhecer a cidade e os arredores pode ser uma oportunidade imperdível para amantes não só de esportes, mas para os de viagens em geral.

Para ajudar na decisão se vale a pena ou não investir um (bom) dinheiro para assistir aos Jogos Olímpicos de Tóquio, segue um guia com custos básicos da viagem, incluindo visto, passagens aéreas, hospedagem, transporte, alimentação e preço dos ingressos.

Visto para o Japão: R$ 97
O primeiro passo para assistir a partidas, lutas e provas é obter um visto de entrada no Japão como turista. O documento pode ser solicitado na Embaixada do Japão no Brasil ou nos consulados-gerais e escritório consular existentes em solo brasileiro. 

São três tipos de visto: de uma entrada, de dupla entrada e de múltiplas entradas. Eles devem ser solicitados conforme a necessidade do turista. Se a intenção é só ir ao Japão, vale o visto de uma entrada. Quem quiser sair e entrar no território - por exemplo visitar a China e voltar para o Japão - durante o tempo de validade do visto, pode pedir os vistos de dupla ou múltipla entrada. Para tirar o visto de uma entrada, o solicitante paga R$ 97. Já a taxa para os vistos de dupla e múltipla entrada é de R$ 194.

Passagens aéreas para o Japão: R$ 4,8 mil
A lei da oferta e da procura é cruel com os turistas e viajar para o Japão para curtir as Olimpíadas não seria diferente. Os preços das passagens para o Japão estão bem altos para o período, mas há dicas para obter preços mais baixos. Uma orientação é tentar partir de São Paulo ou do Rio de Janeiro, pois há voos mais baratos a partir das duas cidades: R$ 4.737,98 por São Paulo e R$ 4.738,30 pelo Rio.

Os preços das passagens para o Japão foram pesquisados pelo app da MaxMilhas para os dias 23 de julho e 10 de agosto. Uma dica é comprar as passagens com o máximo de antecedência, pois os preços só tendem a aumentar até a data dos jogos.

Hospedagem: R$ 12 mil
São muitas as opções de hospedagem na cidade de Tóquio, portanto os preços podem variar bastante. As diárias em hotéis três ou quatro estrelas tendem a ficar bem caras na cidade. Uma busca feita no Booking, com check-in no dia 25 de julho e check-out no dia 10 de agosto, resultou em diárias a partir de R$ 696. Para a trip de 15 dias, a hospedagem para uma pessoa fica em R$ 12.784 no resultado mais barato.

Os hostels são opções mais em conta, mas devido à grande demanda, as diárias para hospedagens três estrelas estão com valores próximos dos praticados em hotéis. Uma busca no Booking, nos mesmos termos da anterior, trouxe como resultados quartos com diárias a partir de R$ 233, porém é preciso ficar atento quanto à localização e as condições do lugar.

Transporte: US$ 437
O transporte público em Tóquio é a alternativa número um para se locomover pela cidade. Primeiro porque é considerado um dos melhores do mundo e segundo por ser a opção mais barata. Bilhetes de uso diário podem ser comprados a R$ 24. Metrô, ônibus e trens podem ser usados com este bilhete. Além dele, há também passes que permitem o uso do transporte por 24, 48 e 72 horas.

Provavelmente, quem vai a Tóquio, também vai querer conhecer pelo menos as cidades da região metropolitana. A dica é comprar um JR Pass: o Japan Rail Pass, que permite viagens ilimitadas de trem nas linhas operadas pela JR. O preço para sete dias é de 275 dólares; para 14, 437 dólares e para 21 dias, 559 dólares.

Alimentação: R$ 20 por refeição
Em toda viagem internacional, o mais indicado para economizar é procurar um restaurante onde a população costuma comer, por isso, fuja das opções muito próximas aos jogos e às atrações turísticas. A principal dica é apostar no lámen, uma massa caprichada com caldo e acompanhamentos, servidos em restaurantes mais baratos. Há também opções de comida em caixinhas, para levar, e comidas prontas que podem ser facilmente encontradas em supermercados em lojas de conveniência.

Há diversas opções de lanches de rua a partir de R$ 10 e até restaurantes a R$ 20, com direito à bebida.

Ingressos: R$ 320 por jogo
Quem quiser assistir às cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos Olímpicos 2020 pode se preparar para gastar bastante. O Comitê Organizador dos jogos projeta que os assentos para os eventos podem variar de R$ 480 a R$ 12 mil. Porém, será possível encontrar ingressos variando de R$ 100 a R$ 5,2 mil ao longo da competição para variados esportes. Segundo informado pelo comitê, mais da metade dos ingressos terá preço médio de R$ 320.

 

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber