Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Joaquin Phoenix ganha o Oscar 2020 de Melhor Ator por 'Coringa'

.

Kevin Winter/Getty Images
Kevin Winter/Getty Images

Joaquin Phoenix ganhou seu primeiro Oscar neste último domingo (9), na categoria de Melhor Ator por seu trabalho em 'Coringa'. O intérprete, então, subiu ao palco e apresentou um discurso bastante emotivo e pessoal.

“Não me sinto acima de nenhum dos outros indicados ou de qualquer outra pessoa nesta sala. Todos nós compartilhamos o mesmo amor pelo cinema. Esse meio me deu tantas coisas extraordinárias que nem sei o que eu seria sem ele”, afirmou. “Mas acho que o maior presente que me deu, e a muitos nessa sala, é a oportunidade de usar nossa voz pelos que não têm.”

Emocionado, o ator também se lembrou do irmão, o também ator River Phoenix, que morreu aos 23 anos em 1993. "Quando ele tinha 17 anos, meu irmão escreveu isso. Ele disse: 'corram ao resgate com amor, e paz será o resultado'."

Além disso, o americano usou o discurso para levantar questões políticas e, desta vez, pediu compaixão entre as pessoas para que elas ensinem umas às outras a serem melhores.

“Penso sobre os problemas que estamos vivendo e acho que às vezes fazem com que nós pensemos que estamos lutando por causas diferentes. Mas, para mim, eu vejo coisas em comum”, disse. “Se brigamos contra disparidades entre gêneros, racismo, por direitos de pessoas LGBT, ou por direitos dos animais, estamos brigando contra a injustiça.”

“Lutamos contra a noção de que uma nação, um povo, uma raça, um gênero ou uma espécie tem o direito de dominar, controlar, usar e explorar a outra com impunidade”, continuou.

“Temos medo de mudança, porque sentimos que teríamos que sacrificar algo, mas os humanos são muito inventivos e criativos. Quando temos amor e compaixão como princípios, podemos criar sistemas de mudanças que sejam benéficas para todos os seres vivos e o meio ambiente.”

Phoenix concorria ao prêmio de melhor ator com Adam Driver (História de um Casamento), Jonathan Pryce (Dois Papas), Antonio Banderas (Dor e Glória) e Leonardo DiCaprio (Era uma Vez em… Hollywood).

Com informações, Veja.


O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber