Mais lidas
Ver todos

    Cotidiano

    Homem é preso no Paraná suspeito de estuprar e engravidar filha, diz polícia

    (Divulgação Polícia Civil)
    Foto por
    Escrito por G1 Paraná
    Publicado em Editado em
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

    Um homem, de 40 anos, foi preso em Guaratuba, no litoral do Paraná, suspeito de estuprar e engravidar a filha. De acordo com a Polícia Civil, o crime aconteceu em Curitiba, no ano de 2014, quando ela tinha 12 anos.

    O suspeito estava foragido desde junho de 2019 e foi preso durante o cumprimento de um mandado de prisão preventiva por estupro de vulnerável, na quinta-feira (9).

    De acordo com as investigações, a mãe da menina era falecida e ela morava apenas com o pai. O caso foi denunciado para a Polícia Civil por meio do Conselho Tutelar.

    Durante depoimento, a filha do suspeito negou todas as acusações contra o pai. Quando questionada sobre a gravidez precoce e a paternidade do filho, ela afirmou que era do relacionamento que teve com um rapaz que havia conhecido, porém ela não informou a identidade dele.

    A partir disso, a polícia solicitou um exame de DNA à Justiça em 2019, para confrontar com a versão apresentada pela vítima. O resultado comprovou que o filho foi consequência dos abusos, segundo a Polícia Civil.

    Com provas materiais e laudos periciais, a polícia solicitou um mandado de prisão preventiva à Justiça, decretado em junho de 2019. O homem era procurado desde então.

    Conforme a Polícia Civil, as equipes chegaram até o suspeito após descobrir que ele estava se escondendo em Guaratuba.

    Gostou desta matéria? Compartilhe!
    TNTV
    TNTV

    Jornal da Tribuna 2ª Edição - 01/07

    Deixe seu comentário sobre: "Homem é preso no Paraná suspeito de estuprar e engravidar filha, diz polícia"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.