Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Caso Rachel Genofre: suspeito de matar menina tem prisão preventiva decretada

.

(Reprodução RPC)
(Reprodução RPC)

O suspeito de matar a menina Rachel Genofre, em Curitiba, teve a prisão preventiva – que é por tempo indeterminado – decretada, conforme informou a Polícia Civil do Paraná nesta quinta-feira (2).

A Polícia Civil havia pedido à Justiça que a prisão de Carlos Eduardo dos Santos fosse convertida para preventiva, apesar de ele já se encontrar detido por outros crimes. Assim, não há risco de ele ser solto. 

De acordo com a Polícia Civil, a requisição foi fundamentada para garantia da ordem pública e para assegurar a aplicação da lei penal.

A decisão da Justiça é de 26 de dezembro. O G1tenta localizar o advogado do suspeito.

A morte de Rachel foi em novembro de 2008. O corpo dela foi encontrado dentro de uma mala na Rodoferroviária de Curitiba. A garota tinha oito anos.

Carlos Eduardo dos Santos foi reconhecido em setembro de 2019 após a identificação feita através de um exame de DNA. Essa identificação aconteceu quase 11 anos depois do crime. 

Corpo da menina Rachel Genofre foi encontrado em uma mala na Rodoferroviária de Curitiba — Foto: Reprodução/RPC 

Crimes

Carlos Eduardo dos Santos cometeu crimes por 31 anos, segundo a Polícia Civil. 

O primeiro deles, em julho de 1985, conforme o delegado, foi abuso sexual contra uma menina de quatro anos na cidade de São Vicente, em São Paulo. O último crime praticado pelo suspeito, de acordo com a polícia, foi de estelionato, em 2016. 

Conforme a Polícia Civil, o suspeito praticou ao menos seis estupros contra crianças com idade entre 4 e 14 anos. 

Ele está preso desde 2016 para cumprir pena de 22 anos por outros crimes e confessou o assassinato contra Rachel dizendo que agiu sozinho.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber