Justiça homologa delação de suspeito de invadir celular de Moro - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

    Cotidiano

    Justiça homologa delação de suspeito de invadir celular de Moro

    Foto por
    Escrito por Agência Brasil
    Publicado em Editado em
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

    A 10ª Vara Federal do Distrito Federal homologou nesta terça-feira (3) a delação de um dos suspeitos de invadir celulares e aplicativos de autoridades, informou a assessoria de imprensa do órgão. Com a homologação, os investigadores poderão continuar buscando provas que evidenciem as informações obtidas na delação.

    Em julho deste ano, policiais federais detiveram, no estado de São Paulo, quatro suspeitos de acessar, sem autorização, o telefone celular do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro. Os detidos também são suspeitos de ter interceptado e divulgado parte das comunicações do ministro.

    Os quatro suspeitos foram detidos nas cidades de Araraquara, São Paulo e Ribeirão Preto e, segundo informações da Polícia Federal, faziam parte de uma organização criminosa que pratica crimes cibernéticos. Também foram cumpridos sete mandados de busca e apreensão.

    A operação foi batizada de Spoofing, expressão relativa a um tipo de falsificação tecnológica, que procura enganar uma rede ou uma pessoa fazendo-a acreditar que a fonte de uma informação é confiável quando, na realidade, não é.

    De acordo com o Ministério da Justiça e Segurança Pública, o ministro percebeu a tentativa de invasão no dia 4 de junho, quando recebeu uma ligação do seu próprio número. Após a chamada, Moro recebeu novos contatos por meio do aplicativo de mensagens Telegram, que o ministro afirma que já não usava há cerca de dois anos. Imediatamente, o ministro abandonou a linha e acionou a Polícia Federal.

    Gostou desta matéria? Compartilhe!
    TNTV
    TNTV

    Como reestruturar e garantir a sobrevivência do meu negócio?

    Deixe seu comentário sobre: "Justiça homologa delação de suspeito de invadir celular de Moro"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.