Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Prefeito de Sabáudia é inocentado pelo TRE-PR em ações eleitorais

.

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) inocentou o prefeito de Sabáudia, Edson Hugo Manueira (PSD), e seu vice Agnaldo Luciano Valderrama (MDB), o Biliu, em mais dois recursos de segunda instância impetrados pela coligação do ex-prefeito e candidato à reeleição nas eleições de 2016, Almir Batista dos Santos (PDT). Tratam-se de duas ações distintas de investigação eleitoral, rejeitadas em primeira instância, fundadas em base eleitoral idêntica, ou seja, acusando Hugo Manueira e Vanderrama de compra de votos. O prefeito assinala que já havia sido absolvido em outras duas ações anteriores na Justiça Eleitoral.

A coligação “Sabáudia com Respeito”, do candidato à reeleição Hugo Manueira e do seu candidato a vice Valderrama, foi denunciada à Justiça Eleitoral por várias irregularidades que teria cometido durante o período de campanha. Manueira e Valderrama foram denunciados por suposto abuso de poder econômico e político, abuso de autoridade e utilização indevida dos meios de comunicação. Além disso, o prefeito foi acusado por uso das máquinas da Prefeitura em serviços particulares, nomeação de funcionários fantasmas, manutenção de servidores em cargos comissionados em detrimento de orientações expressas do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), utilização das cores da propaganda partidária em obras públicas e utilização indevida dos veículos de comunicação em benefício próprio.

Após apuração e análise dos fatos denunciados, o relator do processo Jean Carlo Leek deu provimento parcial ao recurso interposto pela coligação adversária apenas para afastar a litispendência, porém julgou improcedente a representação, em razão de ausência de provas dos fatos denunciados, parecer que foi acatado pela unanimidade da Corte do TRE-PR. A decisão é de agosto deste ano.

Manueira e Valderrama foram defendidos, tanto na primeira como na segunda instância, pelo escritório do advogado Leandro Rosa, de Curitiba. “Esta é mais uma vitória contra aqueles que perderam a eleição e me acusam de abuso de poder político e econômico”, observa o prefeito Hugo Manueira. “Eles perderam a eleição nas urnas e também na Justiça Eleitoral”, afirma o prefeito, garantindo que nunca cometeu qualquer crime eleitoral na campanha de 2016.  “Esta vitória não é somente minha, mas de toda a comunidade de Sabáudia, que acredita em nosso trabalho e está vendo o município se desenvolver”, declara. “A decisão da Justiça confirma que fizermos uma campanha honesta e dentro da legalidade”, completa.

Nas eleições de 2016, o candidato Edson Hugo Manueira, da coligação Sabáudia com Respeito, foi reeleito com 2.523 votos, o correspondente a 50,64% dos votos válidos. Seu concorrente Almir Batista dos Santos, da coligação Sabáudia Quer Mais, obteve 2.459 votos, ou seja, 49,36% dos votos válidos.

 

 

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber