Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Professores estaduais paralisam as atividades nesta segunda-feira 

.

Foto: Reprodução/WhatsApp
Foto: Reprodução/WhatsApp

Professores da rede estadual de ensino do Paraná cruzaram os braços nesta segunda-feira (29), para exigir reajuste salarial e outras reivindicações da categoria. A data marca quatro anos do confronto entre professores e policiais militares no Centro Cívico, em Curitiba.

Segundo o Fórum das Entidades Sindicais, os servidores estão sem reajuste desde janeiro de 2016. O sindicato alega uma defasagem de 17% em relação à inflação no período. De acordo com o Banco Central, a variação acumulada do Índice de Preços Ao Consumidor Amplo (IPCA) entre janeiro de 2016 e março de 2019 é de 14,37%.


Paralisação
Em Curitiba, os servidores se concentram na Praça Santos Andrade. Na sequência vão se dirigir até o Palácio Iguaçu, onde há uma reunião marcada entre representantes do governo e de sindicatos.

Os servidores da Universidade Estadual de Londrina (UEL) e da Universidade Estadual do Paraná (Unespar), campus de Apucarana, também paralisaram as atividades nesta segunda-feira. 

APUCARANA

Um debate será realizado às 14 horas no auditório da Universidade Estadual do Paraná Campus de Apucarana, UNESPAR, onde será abordado a conjuntura Estadual e Nacional, juntamente com outras centrais sindicais.

Temas que serão debatidos:

Data base
Hora aula e hora relógio 
PDE
Previdência 
Provas PSS
Concursos públicos 
Revogação resolução 02/2019
Licenças legais
Entre outros pontos diversos.


O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber