Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Mergulhador que salvou meninos na Tailândia também fica preso em caverna subaquática

.

O mergulhador, Josh Bratchley, que estava no grupo que ajudou a salvar 12 meninos e seu treinador presos em uma caverna na Tailândia, em 2018. Foto: Washington Post
O mergulhador, Josh Bratchley, que estava no grupo que ajudou a salvar 12 meninos e seu treinador presos em uma caverna na Tailândia, em 2018. Foto: Washington Post

O mergulhador, Josh Bratchley, que estava no grupo que ajudou a salvar 12 meninos e seu treinador presos em uma caverna na Tailândia, ficou 28 horas preso em uma caverna subaquática nos Estados Unidos, e foi resgatado.

Ele estava explorando uma caverna inundada no condado de Jackson, no Tennessee (EUA), na terça-feira (16), mas não conseguiu voltar à sua entrada. O britânico deveria ter retornado por volta das 15h (horário do Tennessee) de terça-feira. Como não apareceu, foi acionado o alarme.

Mergulhadores de diferentes lugares dos EUA foram ajudar na busca do colega. As equipes de resgate entraram no sistema de cavernas de 120 metros de profundidade por volta das 18h, hora local, e Bratchley foi trazido de volta cerca de uma hora depois.

Um dos mergulhadores que participou do resgate do britânico, disse que a caverna onde Bratchley ficou preso é de paredes baixas e arenosas, e, por isso, perigosa. A passagem no chão da caverna submersa tinha cerca de 60 centímetros de altura.

Após o resgate, ele foi examinado por médicos que atestaram que ele estava "estável" inclusive recusou tratamento adicional.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber