Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Beto Preto diz ter firmado TAC para não atrapalhar trabalho à frente da Saúde

.

foto - Delair Garcia
foto - Delair Garcia

O ex-prefeito de Apucarana e atual secretário estadual da Saúde, Beto Preto, afirmou que o Termo de Ajuste de Conduta (TAC) entre ele e o Ministério Público foi firmado há mais de 60 dias com o intuito de não precisar esperar o andamento de um processo que poderia atrasar sua nomeação para a pasta no governo Ratinho Junior. A nomeação de um apucaranense para um dos cargos mais importantes do Estado, segundo ele, é fundamental e estratégico para elevar o nome da cidade no cenário estadual.

De acordo com Beto, o processo certamente teria desfecho favorável a ele, mas poderia se arrastar por longos meses, dificultando o trabalho frente à Saúde do Paraná. Correligionários do ex-prefeito de Apucarana disseram inclusive que grupos de oposição à atual administração da prefeitura tentaram fazer estardalhaço explorando a divulgação do termo, por suposta utilização de funcionários comissionados na campanha de 2016 da hoje vereadora Márcia Souza. Ambos respondiam ação civil pública.
A vereadora também firmou um TAC de R$ 72,5 mil, praticamente o dobro do assinado por Beto Preto: R$ 47 mil. O pagamento é realizado em 15 parcelas.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber