Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Ex-governador Beto Richa é preso pela terceira vez

.

O ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB) foi preso pela terceira vez na manhã desta terça-feira (19), pela quarta fase da Operação Quadro Negro, do Ministério Público do Paraná (MP-PR), que investiga desvios de R$ 22 milhões na construção de diversas escolas estaduais. As obras nunca foram entregues.

O empresário Jorge Atherino, apontado pelo MP-PR como operador financeiro de Beto Richa, e Ezequias Moreira, ex-secretário especial de Cerimonial e Relações Exteriores do Paraná, também foram presos.

Richa foi detido no apartamento onde mora em Curitiba pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) que também cumpre mandados de busca e apreensão em imóveis da família Richa em Caiobá, no litoral do Paraná, e em Porto Belo (SC).

De acordo com o Ministério Público, alguém ligado à Secretaria de Educação emitia laudos de supostas vistorias que afirmavam que as obras estavam em andamento e com isso, os pagamentos eram liberados. 

Eduardo Lopes, dono da construtora Valor que recebia os pagamentos, confessou em delação premiada, como funcionava o esquema e também teria indicado alguns políticos beneficiados.


O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber