Cotidiano

Audiências do Caso Daniel começam nesta segunda-feira

Da Redação · GoogleNews

Siga o TNOnline
no Google News

Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Imagem ilustrativa da notícia Audiências do Caso Daniel começam nesta segunda-feira

Começam nesta segunda-feira (18) na 4ª Vara Criminal de São José dos Pinhais (PR), as audiências de instrução da morte do jogador de futebol Daniel Correa Freitas, assassinado no ano passado.

continua após publicidade

Edison, Cristiana e Allana Brittes (pai, esposa e filha) devem ser ouvidos, além de outros quatro suspeitos de participação no crime. As oitivas podem se estender até 1º de março. 

OS SUSPEITOS:
Edison Brittes Júnior –
homicídio triplamente qualificado, ocultação de cadáver, fraude processual e corrupção de adolescente e coação no curso do processo;
Cristiana Brittes – homicídio qualificado por motivo torpe, coação do curso de processo, fraude processual e corrupção de adolescente;
Allana Brittes – coação no curso do processo, fraude processual e corrupção de adolescente;
Eduardo da Silva – homicídio triplamente qualificado, ocultação de cadáver, fraude processual e corrupção de adolescente;
Ygor King – homicídio triplamente qualificado, ocultação de cadáver, fraude processual e corrupção de adolescente;
David Willian Vollero da Silva – homicídio triplamente qualificado, ocultação de cadáver, fraude processual, corrupção de adolescente e denunciação caluniosa;
Evellyn Brisola Perusso – denunciação caluniosa, fraude processual, corrupção de adolescente e falso testemunho.

continua após publicidade

ENTENDA O CASO:
O meia Daniel, 24 anos, ex-São Paulo e que estava emprestado ao São Bento, foi encontrado morto em um matagal em São José dos Pinhais, no Paraná, no dia 27 de outubro de 2018.

Ele foi achado nu, com o pescoço cortado em dois lugares e o pênis decepado. Até o momento, sete pessoas já foram presas

O casal Edison e Cristiana Brittes, além da filha, Allana, serão indiciados por homicídio qualificado e coação de testemunhas pela morte do jogador. Outros quatro jovens, sendo um deles primo de Cristiana, também foram detidos.