Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Universidades ganham destaque em ranking de países emergentes

.

As universidades estaduais do Paraná ganharam destaque internacional no ranking Emerging Economies University, da revista inglesa Times Higher Education, divulgado na última terça-feira (15). O ranking, que avaliou 442 universidades de 43 nações, engloba instituições em países classificados como emergentes avançados, emergentes secundários e de fronteira.

A classificação utiliza os mesmos 13 indicadores de desempenho do The World University Rankings. São avaliados critérios de ensino, pesquisa, transferência de conhecimento, perspectivas internacionais. O Brasil é o país latino-americano que mais possui universidades avaliadas e o terceiro mais representado na tabela.

CLASSIFICAÇÃO - A Universidade Estadual de Londrina (UEL) foi a universidade mais bem classificada do Estado. Ficou entre as 50 melhores universidades da América Latina e alcançou a 250ª posição no ranking. A instituição também se destacou nos critérios de ensino e pesquisa.

Em seguida, aparece a Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), na posição número 301. A instituição recebeu boas avaliações nos critérios de citações, ensino e relação com a indústria. Já a Universidade Estadual de Maringá (UEM) e do Oeste do Paraná (Unioeste) estão classificadas na posição 351ª. A UEM aparece entre as 70 melhores da América Latina enquanto a Unioeste ficou classificada em 100ª.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber