Saiba mais
Ver todos
    Você está em

    Cotidiano

    Monitoramento ajuda a prevenir e reduzir riscos de desastres naturais

  • Foto por
    Escrito por redação
    Publicado em 14/01/2019 Editado em 14/01/2019

    O governador Carlos Massa Ratinho Júnior conheceu nesta segunda-feira (14) a estrutura da Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil do Paraná. O espaço, localizado no Palácio das Araucárias, em Curitiba, faz o monitoramento dos eventos climáticos que ocorrem Estado por meio do Centro Estadual de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cegerd).

    Desde que foi instalado, em abril 2017, o Cegerd tem contribuído para evitar prejuízos causados por desastres naturais em todo o Estado e também com alertas para a retirada de pessoas de áreas de risco de enxurradas, enchentes e deslizamento de terra.

    “É um trabalho extremamente importante, que tem ajudado a reduzir os prejuízos e colaborado com o trabalho de prevenção”, disse o governador. Segundo os técnicos responsáveis pelo centro, os prejuízos causados por intempéries climáticas caíram 80% nos últimos anos, passando de R$ 820 milhões em 2016 para R$ 158 milhões em 2017.

    Acompanhado do chefe do Gabinete Militar da Governadoria, major Welby Pereira Sales, o governador também conheceu outras frentes de trabalho e ações realizadas pela Defesa Civil do Paraná, como a captação de recursos federais para os municípios e o trabalho na preparação de planos de contingências em casos de desastres.

    O órgão também está construindo depósitos para descentralização de ajuda humanitária e adquirindo mais equipamentos para atendimento a emergências com produtos químicos e para o combate a incêndios florestais.

    BRIGADA ESCOLAR - Outro projeto em andamento apresentando ao governador é o de capacitação de professores da rede estadual do ensino por meio do programa Brigada Escolar, que visa treinar a comunidade das escolas para enfrentar situações de emergência dentro das escolas.

    “Até agora, 48 mil docentes foram capacitados. Para este ano, nossa intenção é treinar mais 14 mil profissionais da educação”, disse o coordenador executivo de proteção e de defesa civil, major Adriano de Melo.

    O governador também foi informado que a Defesa Civil do Paraná está adquirindo um novo radar para o monitoramento de desastres. Hoje, o Estado faz o monitoramento por meio de 432 estações, sendo 125 hidrológicas, 159 pluviométricas e 122 meteorológicos.

    AO VIVO: LIVE SOLIDÁRIA COM O CANTOR RODRIGO OLIVEIRA

    AO VIVO: LIVE SOLIDÁRIA COM O CANTOR RODRIGO OLIVEIRA

    TNTV

    AO VIVO: LIVE SOLIDÁRIA COM O CANTOR RODRIGO OLIVEIRA

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!

    Deixe seu comentário sobre: "Monitoramento ajuda a prevenir e reduzir riscos de desastres naturais"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

    Principais matérias