Cotidiano

Homem ataca crianças com martelo dentro de escola e 20 ficam feridas

Da Redação ·
Suspeito foi preso e os alunos feridos foram internados em hospital – Foto: AFP
Suspeito foi preso e os alunos feridos foram internados em hospital – Foto: AFP

Um homem feriu 20 crianças nesta terça-feira (8), três delas com gravidade, em uma escola primária em Pequim, e foi preso em seguida – informaram as autoridades locais.

continua após publicidade

Um suspeito se encontra “sob custódia”, e os estudantes feridos foram internados no hospital, declarou o governo do distrito de Xicheng, sem explicar como, ou por que, o homem realizou o ataque.

Segundo a imprensa local, o suspeito realizou os ataques armado com um martelo.

continua após publicidade

O estado das três crianças gravemente feridas é estável, e suas vidas não estão em perigo, acrescentaram as autoridades do bairro de Xicheng, no oeste da capital chinesa.

Ataques violentos dirigidos contra crianças em idade escolar não são incomuns na China, que tem visto uma série de incidentes mortais nos últimos anos.

Em abril passado, um homem de 28 anos matou nove estudantes do ensino médio quando eles voltavam para casa, em um dos mais letais ataques com faca do país nos últimos anos.

continua após publicidade

O assassino, que disse ter sofrido bullying quando frequentou a escola na província de Shaanxi, no norte da China, foi executado em setembro.

Mais tarde, em 2018, uma mulher que usava facas feriu 14 crianças em um jardim de infância na província de Sichuan.

O agressor de 39 anos de idade esfaqueou os estudantes que voltavam para a sala de aula depois dos exercícios matutinos.

continua após publicidade

Em janeiro de 2017, um fazendeiro armado com uma faca de cozinha esfaqueou e feriu 12 crianças em um jardim de infância na região autônoma do sul de Guangxi Zhuang.

Tais incidentes levaram as autoridades a aumentar a segurança nas escolas e a pedir a realização de mais estudos sobre as causas de tais atos.

continua após publicidade

Morte e destruição
Os crimes violentos têm aumentado na China, à medida que a economia do país vem crescendo nas últimas décadas e a diferença entre ricos e pobres aumentou rapidamente.

Estudos também descrevem um aumento na prevalência de transtornos mentais, alguns deles ligados ao estresse ao aumento do ritmo e das pressões diárias.

Em novembro, um motorista jogou seu carro contra um grupo de crianças que atravessava uma rua em frente a uma escola primária no nordeste da província de Liaoning. Deixou cinco mortos e pelo menos 19 feridos.

O homem estava pensando em suicídio por causa das brigas com sua esposa antes que a tragédia ocorresse, de acordo com uma nota da agência de notícias oficial Xinhua.

No início daquele mês, pelo menos 13 pessoas morreram quando um ônibus caiu de uma ponte no município de Chongqing, depois que o motorista começou a brigar com um passageiro que pediu para que ele parasse no ponto.

Fonte: AFP

Tags relacionadas: #Escola #martelo