Cotidiano

Trânsito no entorno da Justiça Federal em Curitiba vai ser desviado por conta do interrogatório de Lula

Da Redação ·
Trânsito no entorno da Justiça Federal em Curitiba vai ser desviado por conta do interrogatório de Lula - Foto: Reprodução/Arquivo
Trânsito no entorno da Justiça Federal em Curitiba vai ser desviado por conta do interrogatório de Lula - Foto: Reprodução/Arquivo

A Polícia Militar (PM) confirmou que interrogatório do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT), marcado para as 14h desta quarta-feira (14), vai causar desvios de trânsito para escoltas no entorno da Justiça Federal, no bairro Ahú, em Curitiba,  a Polícia Militar (PM). Lula é interrogado em processo da Lava Jato que apura reformas feitas em sítio de Atibaia

continua após publicidade

A audiência de Lula, que está preso desde abril, é do processo que investiga se ele recebeu propina de empresas como a OAS e a Odebrecht por meio da reforma e decoração no sítio Santa Bárbara, em Atibaia (SP). O ex-presidente e outros 12 são réus na ação.

A orientação da PM é para que os motoristas que passam rotineiramente pela Avenida Anita Garibaldi optem por caminhos alternativos perto e durante o horário da oitiva do ex-presidente.

continua após publicidade

Conforme a polícia, os acessos ao prédio da Justiça Federal e imediações serão fiscalizados por PMs desde a manhã - com aumento do policiamento ao longo do dia.

Durante a chegada do comboio de Lula para o interrogatório, policiais e agentes de trânsito farão o desvio do tráfego de veículos nos seguintes cruzamentos:

Avenida Anita Garibaldi com rua Dr. Manoel Pedro (Praça Cel. Elísio Costa Marques);
Rua Dr. Bezzera de Menezes com a Avenida Anita Garibaldi;
Rua Benjamin Zili com Rua Santa Rita de Cássia;
Rua São Pio X com Rua Benjamim Zili;
Rua Eça de Queiroz com Avenida Anita Garibaldi.

continua após publicidade

Normalidade de serviços
Os serviços na Justiça Federal funcionarão normalmente - com exceção do restaurante.

Quem precisar ir até o local terá acesso garantido durante o dia todo, inclusive durante a oitiva, com o acompanhamento de policiais militares até o atendimento, informa a PM.

A polícia orienta ainda que o cidadão esteja com o documento de identidade para apresentar aos PMs para entrarem no prédio.

As informações são da RPC

Tags relacionadas: #JUSTIÇA FEDERAL