Cotidiano

Governo libera R$ 1,2 milhão para cirurgias de catarata na região de Maringá

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Governo  libera R$ 1,2 milhão para cirurgias de catarata na região de Maringá
Governo libera R$ 1,2 milhão para cirurgias de catarata na região de Maringá

O Governo do Paraná confirmou a liberação de R$ 1,2 milhão em recursos  para a realização de 1.800 cirurgias de catarata na 15ª Regional de Saúde, que abrange 30 municípios da região de Maringá. 

continua após publicidade

A expectativa é de que mensalmente sejam feitas em média 200 cirurgias no Hospital São Lourenço, de Mandaguaçu. O anúncio foi feito pelo secretário de Estado da Saúde, Antônio Carlos Nardi, em Maringá.

Como explicou o secretário Nardi, o mutirão foi viabilizado por meio de uma parceria com o Lions Clube de Maringá, que cedeu os equipamentos necessários para a realização dos procedimentos. 

continua após publicidade

Inicialmente, os materiais haviam sido destinados pela entidade ao Hospital Universitário de Maringá, mas não foram usados. Agora, os equipamentos foram realocados para o Hospital São Lourenço, de Mandaguaçu, que ficará responsável pelas cirurgias. 

“Com os equipamentos cedidos pelo Lions e com esse recurso de R$ 1,2 milhão, vamos praticamente zerar a fila de cirurgias de catarata na região da 15ª Regional de Saúde. Nossa prioridade vai ser atender aqueles pacientes que já passaram por triagem e fizeram em seus municípios os exames preparatórios necessários. Queremos possibilitar a esses paranaenses uma visão clara e limpa”, disse o secretário.

MUTIRÃO – A partir desta próxima semana, o Hospital São Lourenço vai começar a avaliar os pacientes que esperam por cirurgias. Os procedimentos devem ser realizados nas sextas e sábados. A expectativa é realizar semanalmente 50 cirurgias.

Na região de Maringá, existem cerca de 2 mil pessoas aguardando por esse tipo de cirurgia.Acompanharam o evento o ex-ministro da Saúde e deputado federal Ricardo Barros, o secretário de Estado da Fazenda, José Luiz Bovo, o presidente da Associação dos Municípios do Setentrião Paranaense (Amusep) André Bovo, o diretor do Hospital São Lourenço José Antônio Gargantini, a governadora do distrito LD-6 do Lions Clube Jacira Martins, o diretor da 15ª Regional de Saúde, Antôni Carlos Bastiani, além de demais autoridades da região.