Cotidiano

Inmet alerta sobre tempestades em áreas do Sul do Brasil nesta 3ª e 4ª com ventos fortes e granizo

Da Redação ·
Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa

As instabilidades se intensificaram sobre áreas da região Sul do Brasil nas últimas horas e tempestades podem ocorrer durante a noite desta terça (30) e quarta-feira (31) em áreas do Paraná, Santa Catarina e todo o Rio Grande do Sul com alertas. O plantio da safra de verão pode sofrer impactos.

continua após publicidade

De acordo com o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), nessas áreas as chuvas ficam entre 30 e 60 milímetros por hora ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos (60-100 Km/h), e queda de granizo. Risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e de alagamentos.

Veja o mapa das áreas com previsão de tempestade nesta 3ª feira:

continua após publicidade

Mapa das áreas com previsão de tempestade nesta 3ª feira - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Aviso para as áreas: Planalto Norte Catarinense, Campanha, Oeste Catarinense, Planalto Sul Catarinense, Litoral Sul Catarinense, Encosta Do Sudeste, Serra Do Sudeste, Depressão Central, Encosta Inferior Do Nordeste, Encosta Superior Do Nordeste, Campos De Cima Da Serra, Planalto Médio, Missões, Alto Uruguai, Central Paranaense, Norte Paranaense, Oeste Paranaense, Sudoeste Paranaense, Sul Paranaense, Litoral Gaúcho, Meio-Oeste Catarinense

De acordo com a Climatempo, as chuvas na região Sul do país devem seguir intensas nos próximos dias. "A previsão indica a ocorrência de novos temporais em praticamente toda a Região Sul do Brasil a partir de quarta-feira (31), com a chegada de outra frente fria", disse.

continua após publicidade

Nos últimos dias, as chuvas em áreas do Paraná prejudicaram o avanço do plantio da soja da safra 2018/19. Com mais precipitações, novas paralisações podem ser vistas. De acordo com o Deral (Departamento de Economia Rural) do Paraná os trabalhos no estado estão em 65% da área.

"Quando o clima começou a ficar favorável choveu novamente, inclusive algumas localidades receberam volumes de chuvas de até 200 mm. Então, o estrago já foi grande para essas regiões que já tinham feito o replantio de algumas áreas", disse o produtor de Doutor Camargo (PR), Ildefonso Ausec.

Veja o mapa com a previsão de precipitação acumulada
para até 72 horas (31/10 a 02/11) em todo o Brasil:

continua após publicidade

Mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 72 horas (31/10 a 02/11) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Durante a segunda (29), as precipitações no Brasil estavam mais concentradas sobre a região central do país. Os cinco maiores acumulados do país foram em Caravelas (BA): 78,0 mm, Queimadas (BA): 77,6 mm, Brasnorte (MT): 69,8 mm, Capelinha (MG): 55,6 mm, São Felix do Araguaia (MT): 50,6 mm.

Mapas estendidos do centro de previsão da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA, na sigla em inglês), nos Estados Unidos, mostram a tendência de chuvas sobre a faixa central do país entre os dias 30 de outubro a 07 de novembro, mas com irregularidades. Entre 07 de novembro e 15 de novembro, uma condição mais úmida é vista na região central e em partes do Sul.

Fonte: noticiasagricolas.com.br