Cotidiano

Eleições 2018: PM divulga esquema de segurança no Paraná

Da Redação ·
Foto: Reprodução/imagem ilustrativa/PMPR
Foto: Reprodução/imagem ilustrativa/PMPR

A Polícia Militar (PM) do Paraná anunciou nesta quinta-feira (4) o esquema de segurança para a votação do primeiro turno, no domingo (7) no Estado. Ao todo, 10 mil policiais militares devem participar da operação que será desencadeada já no sábado. Em todo o Paraná, são 4.790 locais de votação e 26.119 seções eleitorais.

continua após publicidade

Prisão no período eleitoral
Conforme o Código Eleitoral, está proibida a prisão dos eleitores desde terça-feira (2) até 48h após o fim da votação. A exceção ocorre em situação de flagrante delito ou por condenação por crime inafiançável e, também, por descumprimento de medidas cautelares.

Encaminhamento no dia da eleição
Quem for detido durante o período das eleições, que compreende às 22h de sábado (6) até as 8h domingo (7), será levado para a Polícia Federal. No dia da votação, os detidos serão encaminhados pela PM ao Fórum Eleitoral.

continua após publicidade

A PM fará a escolta do transporte das urnas que serão utilizados em todas as regiões do estado. Ainda de acordo com o coronel, algumas atitudes estão proibidas: boca de urna, condução de eleitores em veículo, compra de voto.