Mais lidas

    Cotidiano

    Cotidiano

    Tufão Mangkhut deixa dezenas de mortos, mineiros presos nas Filipinas e milhões de deslocados na China

    Equipes de resgate buscam por vítimas presas em mina após passagem do tufão Mangkhut pelas Filipinas — Foto: REUTERS/Erik De Castro
    Foto por Reprodução
    Escrito por REDAÇÃO
    Publicado em 17.09.2018, 08:44:00 Editado em 17.09.2018, 08:49:15
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    A passagem do tufão Mangkhut no último final de semana deixou um rastro de caos e destruição no norte das Filipinas e no sul na China, onde ele segue para o norte e continua a causar estragos como tempestade tropical.

    Tufão Mangkhut deixa dezenas de mortos, mineiros presos nas Filipinas e milhões de deslocados na China
    Foto por Reprodução

    Tufão Mangkhut deixou edifícios destruídos em sua passagem pelas Filipinas — Foto: Philippine Red Cross/via Reuters

    Nas Filipinas, o número de vítimas chega a 65, segundo a última apuração provisória da Polícia Nacional. Além disso, mais de 50 mil pessoas tiveram de deixar as suas casas para se proteger. Já na China, o balanço é de 2 mortos, 213 pessoas feridas e mais de três milhões de deslocados.

    O Mangkhut foi acompanhado de ventos de 170 km/h e rajadas de até 260 km/h quando passou pelas Filipinas, na madrugada do último sábado. O tufão, que é o mais poderoso dos últimos cinco anos a atingir o país, causou fortes chuvas, inundações, ondas de até seis metros e causou o deslocamento de dezenas de milhares de pessoas. 

    As fortes inundações e os deslizamentos de terra causados pelo maior tufão do ano soterraram uma mina e quatro barracões onde viviam os mineradores na cidade de Itogon, no norte das Filipinas.

    As autoridades locais iniciaram uma operação de busca e resgate de sobreviventes no local, que foram retomadas nesta segunda-feira (17).

    fonte G1

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Cotidiano

    Deixe seu comentário sobre: "Tufão Mangkhut deixa dezenas de mortos, mineiros presos nas Filipinas e milhões de deslocados na China"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.