Cotidiano

Astrônomos descobrem 12 novas luas em Júpiter

Da Redação ·
Imagem ilustrativa - Astrônomos descobrem 12 novas luas em Júpiter
Imagem ilustrativa - Astrônomos descobrem 12 novas luas em Júpiter

Astrônomos procurando por objeto no Sistema Solar exterior receberam uma surpresa enorme e inesperada – a descoberta acidental de 12 luas antes desconhecidas em órbita ao redor de Júpiter. Isso eleva o total de luas jupiterianas conhecidas para 79. Os novos satélites descobertos aumentam a liderança de Júpiter no Sistema Solar como o planeta com mais luas – embora o espaço ao redor de Saturno também esteja bastante cheio.

continua após publicidade

A equipe, liderada pelo astrônomo Scott S. Sheppard, do Carnegie Institution for Science, estava usando telescópios terrestres para procurar evidências do misterioso Planeta Nove, um corpo externo proposto do Sistema Solar.

“Júpiter estava no céu perto dos campos de busca, onde estávamos procurando por objetos extremamente distantes do Sistema Solar”, disse Sheppard. Eles estavam usando um telescópio mais poderoso do que nunca, permitindo que a equipe visse resoluções mais altas, através de um campo de visão mais amplo do que outras observações no passado.

continua após publicidade

omo Júpiter se move pelo céu a uma velocidade conhecida, qualquer coisa que esteja próxima, movendo-se na mesma velocidade na mesma direção, torna-se um candidato a lua – mas a confirmação é um processo demorado, explicou Sheppard ao site ScienceAlert.

“Tivemos que observar o novos candidatos a lua novamente um mês depois e novamente um ano depois para confirmar que eles estavam realmente orbitando Júpiter e, portanto, eram luas do planeta”, disse ele. “Isso é muito legal e emocionante”, disse o astrônomo Jonti Horner, da Universidade de Southern Queensland, que não esteve envolvido na pesquisa. “Não é muito surpreendente para mim, acho que à medida que olhamos mais profundamente, encontramos mais desses satélites irregulares em torno de Júpiter, Saturno, Urano e Netuno, mas é legal, e é ótimo que eles tenham encontrado tantos deles de uma vez”, concluiu.

“É um resultado adorável, e realmente mostra a importância de continuar olhando para fora”, disse Horner.

fonte-  ScienceAlert

Tags relacionadas: #ESPAÇO #Júpiter #lua