Facebook Img Logo
  1. Edhucca Banner
Mais lidas
Cotidiano

Governo investe R$ 26 milhões na construção de 250 pontes

.

O Governo do Paraná entregou 201 novas pontes, desde 2011, fruto de convênios firmados pela Secretaria de Infraestrutura e Logística com as prefeituras. Os investimentos da ordem de R$ 17 milhões mudaram a realidade de moradores e comerciantes de 94 municípios. Outras 49 obras de construção, substituição e revitalização de pontes, que totalizam R$ 9 milhões, estão em andamento em 30 cidades.

De acordo com o secretário de Infraestrutura e Logística, Abelardo Lupion, estes R$ 26 milhões destinados a pontes trazem desenvolvimento e, principalmente, integração. “Um milhão de paranaenses já foram beneficiados com as mais de 200 pontes de concreto construídas em parceria com o Governo do Paraná para substituir antigas travessias de madeira”.

CONVÊNIOS – As obras são executados por meio de convênios firmados entre a Secretaria de Infraestrutura e Logística e as prefeituras. O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR) fornece as estruturas pré-moldadas para a construção e reforma (vigas, lajotas e guarda-rodas), assim como orientação técnica para montagem. Como contrapartida, a prefeitura executa a infraestrutura nas cabeceiras e aterros, além da concretagem.

“Muitas comunidades esperavam há mais de 20 anos pela benfeitoria que é realidade em mais de uma centena de cidades graças à visão municipalista desta gestão”, destaca Lupion.

CURITIBA – Na Capital, cinco pontes de concreto estão sendo construídas graças ao convênio firmado em outubro de 2017 entre o Governo do Estado e a Prefeitura. Uma delas fica na Rua Aleixo Schluga, no cruzamento com as ruas Izidoro Mário Paul e Patativa, sobre o córrego Jardim Cruzeiro do Sul, no bairro Santa Cândida.

A obra, que começou em janeiro deste ano, foi uma das primeiras iniciadas após a assinatura do convênio. Antes, a travessia era feita por uma passarela de madeira que exigia manutenção constante e trazia riscos à população. Há 20 anos, moradores e comerciantes do bairro reivindicavam uma estrutura mais resistente, que garantisse a segurança de motoristas e pedestres.

Almerindo de Oliveira Shuindt, que mora ao lado da ponte, explica que antes a situação era muito complicada. “A ponte era péssima. Tinha somente uma passagem para carros, um precisava esperar o outro passar e não havia nem espaço para pedestres”, relembra.

A nova ponte da Rua Aleixo Schluga é mais larga que a anterior. Ela terá 6,5 metros de comprimento e 10 metros de largura, com calçadas dos dois lados para que pedestres e ciclistas não tenham que disputar espaço com veículos.

O comerciante Adão da Costa, morador no bairro há oito anos, comemora a nova ponte. “A cada dois anos tinha que refazer a antiga, que quebrava e apodrecia. Era muito perigoso. Vai ficar bem melhor agora e mais seguro”, afirma.

A laje da nova ponte foi concretada nesta semana. A obra está 80% concluída. A etapa final, que inclui os acabamentos, prevê a colocação de uma proteção para os pedestres. Segundo a Secretaria Municipal de Obras Públicas, os trabalhos devem ser finalizados em julho.

OUTRAS OBRAS
Em Curitiba, estão em obras também as pontes das ruas Vitorino Kaviski, no Bigorrilho; 25 de Agosto, no Boqueirão; Sebastião Gonçalves Pinto, sobre o Rio Atuba, na divisa entre Curitiba e Colombo; e da Rua Mathias de Andrade Rocha, no Alto Boqueirão, no cruzamento com a Itaúna do Sul.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber