Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Pecuarista acusado de matar jornalista e professora vai a júri popular

.

Maria Estela Pacheco foi achada morta no pátio do prédio que Costa residia; a vítima estava separada do ex-namorado quando se deparou com ele alterado em um bar - Foto: Reprodução/Família
Maria Estela Pacheco foi achada morta no pátio do prédio que Costa residia; a vítima estava separada do ex-namorado quando se deparou com ele alterado em um bar - Foto: Reprodução/Família

O pecuarista Mauro Janene Costa, acusado de matar a jornalista e professora Maria Estela Pacheco, vai a júri popular nesta quinta-feira (22) em Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná. O crime ocorreu em outubro de 2000.

A defesa do réu conseguiu suspender o julgamento por sete vezes até agora. O caso ocorreu em Londrina, no norte do Estado, mas a defesa alegou comoção na cidade e conseguiu que a Justiça determinasse que Costa fosse julgado em Ponta Grossa.

O resultado do julgamento de Mauro Janene Costa deve ser divulgado até o início da noite.

O crime
Maria Estela Pacheco foi achada morta no pátio do prédio que Costa morava. A vítima estava separada do ex-namorado quando o encontrou alterado em um bar. Segundo testemunhas, ela saiu com o ex-companheiro para conversar em direção ao apartamento de Janene.

O acusado nega o crime, mas a perícia confirmou que a vítima foi morta uma hora antes do corpo ser jogado no chão. Janene residia no 12º andar.

As informações de Daniela Calsarava, da RICTV Londrina

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber