Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Ex-prefeito de Araucária é condenado pelos crimes de peculato e concussão

.

O ex-prefeito de Araucária (Região Metropolitana de Curitiba) foi condenado pelos crimes de peculato e concussão, em sentença proferida pelo Juízo da Vara Criminal do Foro Regional da comarca. A decisão decorre de denúncia oferecida pelas Promotorias de Justiça de Araucária no âmbito da segunda fase da Operação Fim de Feira e também culminou na condenação da filha e do genro do ex-prefeito. O ex-gestor já havia recebido a sentença de 50 anos de prisão pelos crimes de concussão, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

Desta vez, a pena do ex-prefeito, que está preso desde 20 de dezembro de 2016, foi fixada em cinco anos, dois meses e vinte dias de reclusão. A filha foi condenada a dez anos e oito meses de reclusão e o genro, a três anos, seis meses e vinte dias. A segunda fase da operação evidenciou que o ex-gestor, valendo-se de seu cargo e a pedido da filha, nomeou seu genro para assessor de secretário municipal na prefeitura.

De acordo com as Promotorias, o ex-prefeito também nomeou uma amiga da filha para ocupar o cargo de assessora de secretário municipal. O salário correspondia a R$ 9,1 mil, dos quais 70% seriam repassados aos réus como condição para a manutenção da servidora no cargo. Ainda segundo as Promotorias, além de ter solicitado ao pai as contratações, a ré sugeriu o acordo para o repasse. Nesta quinta-feira, 15 de fevereiro, o ex-gestor teve novo pedido de habeas corpus negado pelo Superior Tribunal de Justiça.



O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber