Mais lidas
Cotidiano

Policiais se sensibilizam com carta de criança e fazem doação para família

.

Um pedido inusitado de uma cartinha para o Papai Noel sensibilizou a Polícia Civil de Curitiba. A cartinha foi retirada nos Correios por policiais civis da Divisão de Infraestrutura (DIE) que entregaram eletrodomésticos a a família do garoto Anthony, um menino de 4 anos que nasceu com autismo.

A entrega aconteceu na residência da família no bairro Parolin, após sua irmã de 10 anos pedir um fogão. Na carta, ela relata que uma amiga da mãe, esta indo embora da casa onde moram e vai levar todos os eletrodomésticos do local, já que foi a mesma quem comprou. “Uma moça que mora com a gente comprou uma televisão, um fogão e uma geladeira, já que os nossos estavam muito velhos, essa moça falou que vai embora e vai levar tudo que ela comprou”, diz a carta escrita por Lais. 

A pequena Lais escreve ainda que gostaria muito de pedir um brinquedo para ela e outro para o irmão, mas com o sofrimento de sua mãe, ela pede apenas um fogão.

“Minha mãe é uma mulher guerreira, pois se dedica muito ao meu irmão e a mim. Então fiz essa carta para pedir apenas um fogão, não precisa ser novo, pode ser usado, pois vai ajudar muito minha mãe que não têm condições de comprar outro para poder fazer comida para nós”, finaliza. 

Após lerem a carta, os policiais civis em parceria com a Provopar Estadual, conseguiram uma geladeira, um fogão, um botijão de gás, um galão de água, uma cesta básica, além de cada uma das crianças ganharem um presente. 

“Quando esta cartinha chegou até nosso setor, todos os funcionários se sensibilizaram para atender um pedido fora do convencional, mas sincero e cheio de sentimentos”, falou o delegado-titular da Die, Benedito Gonçalves Neto.A ação contou com o apoio do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) que levou todos os objetos até a casa da família.Confira a galeria de fotos desta notícia:

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber