Mais lidas
Cotidiano

Justiça interdita igreja que funcionava sem autorização e causava poluição sonora

.

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa

O Juízo da 5ª Vara Cível de Curitiba determinou na segunda-feira, 4 de dezembro, o encerramento das atividades de uma igreja na Cidade Industrial de Curitiba. 

A decisão, em caráter liminar, atende ação civil pública proposta pelo Ministério Público do Paraná, por meio da Promotoria de Justiça  de Proteção ao Meio Ambiente da capital paranaense.

A partir de denúncia de moradores da região que reclamavam do barulho excessivo no local em horários inadequados, o MPPR confirmou a poluição sonora produzida e constatou que o estabelecimento não possui alvará de funcionamento nem autorização ambiental. 

A ação menciona ainda que, mesmo notificado pela Prefeitura de Curitiba, o empreendimento não regularizou sua situação. O não cumprimento da decisão implicará o pagamento de multa no valor de R$ 25.000,00.


As informações são do MPPR

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber