Mais lidas
Cotidiano

Imperador Akihito irá abdicar do trono do Japão em 30 de abril de 2019

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O imperador Akihito irá abdicar do trono do Japão no dia 30 de abril de 2019, informou o primeiro-ministro Shinzo Abe nesta sexta (1º).

Após uma reunião entre Abe e Akihito, o primeiro-ministro fez um pronunciamento confirmando a data em que a lei que autoriza a saída do imperador será implementada.

Akihito sofreu com problemas de saúde nos últimos anos, incluindo uma cirurgia cardíaca e um câncer de próstata. Em agosto de 2016 ele indicou seu desejo de abdicar por sentir que não poderia mais manter seus deveres.

Em junho deste ano o senado aprovou a lei que liberava a sua renúncia.

O sucessor será o filho mais velho, Naruhito, 57. Se mantida a previsão, Akihito abdicará depois de completar 30 anos no trono.

A lei não vale para futuros imperadores. Também não há mudança em relação à permissão para que as mulheres possam assumir.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber