Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Chuva afeta trânsito, trens e alaga ruas e avenidas em SP nesta segunda

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A chuva que atingiu São Paulo, do final da madrugada até o início da manhã desta segunda-feira (27), afetou a ida do paulistano ao trabalho e colocou parte da cidade e a região metropolitana em estado de atenção para alagamentos.

Segundo a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), por volta das 7h30, a cidade acumulava 60 km de lentidão -no horário, a média de pontos de parada da capital varia entre 38 km e 64 km.

A chuva forte também afetou a circulação das linhas 7 (rubi), 10 (turquesa) e 11 (coral), da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos). O excesso de água nos trilhos diminuiu a velocidade da circulação das composições. O problema foi contornado com a diminuição da chuva, por volta das 8h40.

As zonas oeste, sul, sudeste e a região da marginal Pinheiros entraram em estado de atenção para alagamentos. De acordo com o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), órgão da prefeitura, a cidade chegou a acumular 12 pontos ativos de alagamentos. Até o final da manhã, ainda haviam oito locais com excesso de água da chuva.

A zona sul da cidade foi a mais afetada. Por lá, dois pontos ficaram intransitáveis para a passagem de veículos: um, na avenida Guarapiranga, no M'Boi Mirim, e outro na avenida Santo Amaro.

Os demais pontos alagados, mas transitáveis para veículos ficaram distribuídos em Santo Amaro (2), M'Boi Mirim (1), Pinheiros (1), Lapa (2), Butantã (3) e na Vila Maria/Vila Guilherme (1). Ainda na capital, o córrego Olaria, na altura da avenida Nações Unidas, transbordou.

GRANDE SÃO PAULO

A região metropolitana de São Paulo também registrou problemas com a passagem da chuva. Houve transbordamentos de rios e alagamentos de ruas e avenidas em Santo André e em São Caetano.

Segundo a Defesa Civil de São Caetano, os bairros São José, Prosperidade, Fundação e Vila Gerty foram os mais afetados porque estão nas encostas do córrego dos Meninos e do rio Tamanduateí, que transbordaram na manhã desta segunda.

Juscelino Brilhante, coordenador da Defesa Civil de São Caetano, disse que seis motoristas foram resgatados de dentro de carros que ficaram "ilhados" em avenidas alagadas da cidade. Ninguém se feriu. "O trânsito já foi liberado, mas os motoristas precisam ter atenção porque a água ainda está em processo de escoamento", informou. A cidade ainda contabiliza o número de moradores afetados pelo temporal.

Os meteorologistas avaliam que o aguaceiro vai se intensificar nas regiões já afetadas pelos alagamentos tanto na capital como nas cidades da região metropolitana.

PREVISÃO

A chuva que causou transtornos nas primeiras horas desta segunda (27) vai perder força na Grande São Paulo nesta terça-feira (28), segundo o CGE.

A madrugada vai começar com temperatura mínima na casa dos 18ºC e, durante a tarde, a máxima não vai passar dos 23ºC em função do tempo mais fechado e chuvoso.

Os ventos vão mudar de direção e causar uma leve sensação de frio. A umidade estará elevada, com índices maiores do que 60%.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber