Mais lidas
Cotidiano

Explosão em fábrica na China deixa mortos e dezenas de feridos

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Uma forte explosão em uma grande cidade no leste da China destruiu edifícios e deixou pelo menos duas pessoas mortas e dezenas de feridos, de acordo com as autoridades locais e a televisão pública.

A detonação ocorreu por volta das 9h (horário local) de domingo (26) em um "lote vazio" da cidade portuária de Ningbo, na província de Zhejiang (a 100 km de Xangai), e deixou pelo menos "dois mortos e dois feridos em estado grave", informou a prefeitura em uma rede social.

Segundo a rede de televisão pública CCTV, pelo menos 30 pessoas foram hospitalizadas.

A televisão transmitiu imagens de veículos danificados pela explosão, homens equipados com capacetes carregando feridos, fumaça cinza subindo ao céu e escombros espalhados no chão. Testemunhas relataram um "grande número de feridos".

De acordo com um jornalista da CCTV, dezenas de pessoas foram levadas para hospitais próximos por ambulâncias e por motoristas locais que foram ajudar.

A explosão causou prejuízos em um raio de um quilômetro, disse o jornalista, citando testemunhas. As operações de resgate seguem em andamento.

Uma investigação foi aberta para descobrir as causas da explosão, informou a polícia.

Explosões, especialmente em áreas industriais, são frequentes na China, onde os regulamentos às vezes são ignorados durante supervisões.

Em 2016, uma explosão no oleoduto de uma usina de energia matou pelo menos 21 pessoas no centro do país.

Em 2015, grandes explosões em uma instalação química na área portuária da cidade de Tianjin (norte) mataram pelo menos 165 pessoas e causaram mais de 1 bilhão de dólares em danos.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber