Facebook Img Logo
Mais lidas
Cotidiano

Louis C.K. diz que acusações de assédio são verdadeiras e pede desculpas

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O comediante Louis C.K. afirmou que são verdadeiras as acusações de assédio sexual contra ele feitas por cinco mulheres, publicadas em reportagem do "New York Times" nesta quinta-feira (9).

Em comunicado divulgado nesta sexta (10), o comediante, produtor e diretor americano afirmou que as informações "são verdadeiras" e admitiu que usou sua influência na indústria de TV "de forma irresponsável".

"Eu mal posso descansar minha mente pensando sobre a dor que causei a essas mulheres. Não me perdoo por isso", disse.

Louis C.K. pediu desculpas à equipe e ao elenco de diversos projetos nos quais estava trabalhando, à sua família, filhos e amigos, entre outros, e afirmou que vai "tirar um tempo para ouvir".

ACUSAÇÕES

Na reportagem publicada, as comediantes Dana Min Goodman e Julia Wolov afirmaram que o comediante ficou pelado e se masturbou na frente delas, sem consentimento, em um quarto de hotel em 2002 após se apresentarem em um festival de comédia.

Em outro caso, a atriz Abby Schachner afirmou que durante uma conversa por telefone com o comediante, em 2003, ele começou a descrever suas fantasias sexuais, respirando intensamente e falando em tom estranho de voz, como se estivesse se masturbando.

Outra comediante, Rebecca Corry, afirmou que em 2005, durante a gravação de um piloto de um programa de televisão com Louis C.K., ele perguntou se podia se masturbar na frente dela em seu camarim.

Após as denúncias, a distribuidora The Orchard cancelou a estreia do filme "I Love You, Daddy" ("te amo, papai", em tradução livre), dirigido e protagonizado por Louis C.K., e prevista para este mês.

A Netflix também cancelou a produção de um especial com o comediante e afirmou que a conduta dele foi "nada profissional e inapropriada".

ASSÉDIO EM HOLLYWOOD

Principais casos reportados recentemente

Harvey Weinstein

No caso que foi o estopim para a avalanche de acusações em Hollywood, o outrora poderoso produtor de 65 é acusado de ter assediado e estuprado mulheres ao longo de três décadas. Entre as vítimas estão Angelina Jolie, Ashley Judd e Gwyneth Paltrow. Bob Weinstein, irmão de Harvey, também foi acusado de assédio.

James Toback

Segundo o 'Los Angeles Times', mais de 30 mulheres denunciaram o diretor e roteirista de 72 anos de cometer assédio sexual. Autor da reportagem, Glenn Whipp disse ter sido contatado por 193 mulheres com acusações semelhantes contra Toback, autor do roteiro de filmes como "Bugsy" e "O Apostador".

Roman Polanski

Além de ter estuprado uma garota de 13 anos em 1977, o cineasta franco-polonês de 84 anos também é alvo de, pelo menos, outras quatro acusações contra mulheres menores de idade, entre elas a atriz Charlotte Lewis. Em Paris, uma retrospectiva de sua obra foi alvo de críticas por um grupo feminista.

Dustin Hoffman

O ator que tem hoje 80 anos é acusado de ter assediado sexualmente a escritora Anna Graham Hunter, então com 17 anos, no set do telefilme "A Morte de um Caixeiro-Viajante", em 1985. Ele teria falado de sexo para ela e a apalpado. Hoffman se desculpou e disse que aquilo não "reflete" quem ele é.

Brett Ratner

A atriz Natasha Henstridge diz ter sido forçada a fazer sexo oral no diretor de "A Hora do Rush" e "X-Men: O Confronto Final" nos anos 1990. Além dela, outras atrizes e modelos, como Olivia Munn e Jaime Ray Newman, também relatam casos semelhantes envolvendo ele. Rattner, 48, nega as acusações.

Ed Westwick

A atriz Kristina Cohen acusou o ator Ed Westwick, conhecido por interpretar Chuck Bass na série "Gossip Girl", de estupro. Cohen detalhou o caso em um post no seu perfil do Facebook. Segundo ela, a agressão aconteceu há três anos quando, na época, ela namorava com um produtor (que ela não identificou).

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber