Cotidiano

Irmãos 9, 11 e 13 anos são resgatados pela polícia após serem encontrados dormindo em chiqueiro  

Da Redação ·
Irmãos têm 9,11 e 13 anos e foram encontrados na noite de quarta-feira (8) (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Irmãos têm 9,11 e 13 anos e foram encontrados na noite de quarta-feira (8) (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Três irmãos, que têm 9, 11 e 13 anos de idade, foram encontrados dormindo sozinhos dentro de um chiqueiro, no bairro da Várzea, em Cruzeiro do Sul, interior do Acre. Eles foram resgatados pela Polícia Militar na noite de quarta-feira (8) após uma denúncia. O local onde as crianças foram encontradas fica a cerca de 20 metros da casa da família.

continua após publicidade

O delegado responsável pelo caso, Luis Tonini, disse que o caso vai ser investigado como abandono e maus-tratos. Os pais devem ser ouvidos durante as investigações.

“Não houve apresentação das vítimas nem dos suspeitos, o que fez com que a situação de flagrante fosse prejudicada. A gente tem uma perpetuação do crime de maus-tratos, até porque vizinhos descreveram que não era a primeira noite, mas seria mais ou menos a terceira que as crianças dormiam naquele local”, disse o delegado.

continua após publicidade

Ao G1, o Conselho Tutelar informou que ainda não vai se pronunciar sobre o caso, pois está apurando as informações.

A mãe das crianças, que prefere não se identificar, disse que os filhos estavam sumidos desde a manhã de quarta e que é comum eles saírem de casa sem avisar. "Eles não obedecem. Quando chegam da escola, falo para entrarem, mas eles correm e não entram mais", afirmou.

A mãe conta que não tem mais controle sobre os filhos e que é hipertensa. "Eu estou muito transtornada porque eles saem assim. Nunca fui bandida e agora a polícia invadiu a minha casa porque eles somem pelo mundo", disse.

continua após publicidade

A PM informou que a denúncia partiu de vizinhos que viram os irmãos no chiqueiro e ficaram indignados. No local, há um esgoto a céu aberto que fica em um terreno na frente da casa.

Fonte: globo.com - Por Anny Barbosa, G1 AC, Cruzeiro do Sul