Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

William Waack é acusado de racismo após vídeo vazado na internet

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O apresentador do "Jornal da Globo", William Waack, foi acusado de racismo após a publicação de um vídeo na internet em que ele, irritado, afirma que o barulho de uma buzina é "coisa de preto".

O jornalista aparece no vídeo antes de uma entrevista com Paulo Sotero, diretor do Brazil Institute, do Wilson Center, num estúdio em frente à Casa Branca, nos EUA.

"Tá buzinando por quê, seu merda do cacete? Não vou nem falar porque eu sei quem é." Na sequência, Waack olha para o convidado e diz, em tom baixo: "É preto. É coisa de preto."

Após o comentário de Waack, o convidado ri constrangido.

Não há informações sobre quem divulgou as imagens da gravação, realizada durante a corrida eleitoral americana em 2016.

Procurada pela reportagem, a Globo diz que "está apurando o caso".

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber