Mais lidas
Cotidiano

Uber confirma parceria com a NASA para disponibilizar veículos voadores; veja vídeo

.

Imagem feita em computador dos veículos que a Uber quer construir -Foto: UBER/Divulgação
Imagem feita em computador dos veículos que a Uber quer construir -Foto: UBER/Divulgação

Um acordo entre a empresa Uber e a Nasa foi anunciado nesta quarta-feira (8), na Web Summit, em Lisboa, pelo vice-presidente Jeff Holden. A ideia de lançar um serviço de veículos voadores. A parceria agora anunciada com a NASA vai centrar-se no desenvolvimento de sistemas de voo e de gestão de tráfego aéreo de veículos não tripulados. 

Para viabilizar o projeto, a Uber também começou a trabalhar com uma empresa de investimento imobiliário para a construção dos locais onde os UberAir poderão descolar e aterrissar verticalmente, e onde poderão ser carregados com energia eléctrica.

Os primeiros voos de demonstração deverão acontecer em 2020, mas o serviço não deverá chegar tão depressa à grande maioria dos usuários. Por ora, apenas duas cidades americanas estão nos planos de lançamento do serviço: Dallas e Los Angeles, que é conhecida pelos problemas de trânsito. O objetivo é ter o serviço, a que a empresa denominou de UberAIR, disponível antes” de 2028, ano em que a cidade vai acolher os Jogos Olímpicos.

Com o UberAIR, o usuário poderá comparar a duração do trajeto num Uber convencional com a duração do mesmo percurso veículo voador. A empresa não especificou quanto custará andar num UberAIR, mas afirmou, em comunicado, que “uma viagem inteirmente eléctrica, a 200 milhas por hora [322 quilômetros por hora] pelos céus de Los Angeles, será competitiva em termos de preço com um UberX”, que é hoje uma das opções mais baratas na aplicação da empresa. As viagens são partilhadas, o que permite dividir o preço entre os vários passageiros. Holden detalhou, no entanto, que "nos primeiros tempos" o custo deverá ser um pouco elevado . 

Um vídeo demonstrativo do novo conceito de transporte mostra um UberAir descolando do topo de um edifício. O veículo assemelha-se a um pequeno helicóptero, tem um piloto. Na visão da Uber, algumas viagens poderão ser mistas, com uma parte do trajeto sendo feita de carro. De acordo com a empresa, os veículos são diferentes dos helicópteros por serem mais “silenciosos, seguros, mais baratos e mais amigos do ambiente”. 

Vídeo demonstrativo do UberAir 


Com informações do portal news8000.com

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber