Cotidiano

Motorista trafegava a 150 km/h, diz sobrevivente de acidente com cinco mortes

Da Redação ·
Veículo colidiram frontalmente e pegaram fogo na sequência em Curitiba: 5 mortos - (Foto: Ricardo Muiños/RPC
Veículo colidiram frontalmente e pegaram fogo na sequência em Curitiba: 5 mortos - (Foto: Ricardo Muiños/RPC

O sobrevivente do acidente que deixou cinco mortos no fim de semana, em Curitiba, disse que o motorista estava embriagado e dirigia a 150 km/h no momento da batida. O rapaz que não teve o nome divulgado foi encaminhado ao hospital e liberado. Em depoimento à Polícia Civil ele contou que ele e outros dois rapazes que estavam no Citroen Picasso consumiram bebida alcoólica em uma festa. 

continua após publicidade

O rapaz que estava conduzindo o carro fugiu do local do acidente, ocorrido na madrugada de domingo (5), em trecho urbano da BR-476, no bairro Pinheirinho. O advogado de defesa do motorista entrou em contato com a polícia e informou que ele deve se apresentar nesta segunda-feira (6). Contudo, até a publicação desta reportagem, o rapaz não havia comparecido à delegacia. 

Acidente
O motorista do Citroen Picasso cruzou a pista, capotou e atingiu o Ford Corcel que seguia no sentido contrário. O carro 'rampou' e foi parar em cima do Corsel. Na sequência, os dois veículos pegaram fogo. Um morador das proximidades disse que presenciou uma cena desesperadora. Ele contou que chegou a ouvir as vítimas gritando, contudo, não foi possível salvá-los.