Cotidiano

Justiça proíbe motorista embriagada que matou três de ir a shows e bares

Da Redação ·
Talita Sayuri atropelou e matou três pessoas em São Paulo Foto: Facebook / Reprodução
Talita Sayuri atropelou e matou três pessoas em São Paulo Foto: Facebook / Reprodução

A motorista que, embriagada e falando ao celular, atropelou e matou três pessoas em São Paulo, foi proibida de frequentar "shows, bares, restaurantes ou estabelecimentos em que haja a venda ou o consumo de bebidas alcoólicas", conforme decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo. De acordo com a decisão judicial, Talita Sayuri Tanashiro, de 28 anos, "deverá ser alertada de que a prisão preventiva poderá ser novamente decretada em caso de descumprimento" das obrigações especificadas.

continua após publicidade

Além de também dever cumprir com o "recolhimento domiciliar no período noturno e nos dias de folga", Talita teve sua habilitação para dirigir veículo automotor suspensa. Aliás, já na audiência de custódia, ela tinha admitido que estava com a carteira de habilitação suspensa por excesso de multa e, portanto, não poderia conduzir o veículo.

A 16ª Câmara de Direito Criminal do TJ-SP acatou, na terça-feira, um pedido de habeas corpus da vendedora e expediu, nesta quinta-feira, alvará de soltura para ela.

continua após publicidade

Fonte: Louise Queiroga - Extra.com