Cotidiano

Oito pessoas morrem e 126 ficam feridas nas estradas federais do Paraná

Da Redação ·
Bebê morreu após ser arremessado de carro na BR-376, em Marilândia do Sul - Foto: Ronaldo Senes (Berimbau)
Bebê morreu após ser arremessado de carro na BR-376, em Marilândia do Sul - Foto: Ronaldo Senes (Berimbau)

Oito pessoas morreram nas estradas federais que cortam o Paraná nos cinco dias do feriado prolongado de Nossa Senhora Aparecida, conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Ao todo, foram 163 acidentes, com 126 feridos.

continua após publicidade

Os números foram divulgados pela PRF nesta segunda-feira (16) e correspondem às ocorrências registradas entre quarta (11) e domingo (15).

A PRF explicou que, como o feriado de 12 de Outubro caiu em uma quarta-feira no ano passado, a corporação não divulgou comparativo com 2016.

continua após publicidade

Acidentes com mortes
Um bebê de nove meses morreu após ser arremessado de um carro, na BR-376 (Rodovia do Café), em Marilândia do Sul. De acordo com a Polícia Militar (PM), a criança estava no colo da avó, no banco de trás, quando o carro capotou e caiu em um barranco, na noite de domingo.

Outro bebê de sete meses ficou gravemente ferido após capotamento, na tarde de sábado (14), na PR-272, entre Faxinal e Mauá da Serra. Ela morreu no hospital A criança estava acompanhada pelo pai, a mãe e o tio de 11 anos, que ficaram levemente feridos no acidente. 

A ocorrência com maior número de vítimas mortas, segundo a PRF, foi registrada na noite de sábado (14).

Duas mulheres morreram em uma colisão frontal na BR-376, em Ponta Grossa, nos Campos Gerais. A PRF relatou que o carro ocupado por elas estavam invadiu a pista contrária e colidiu contra um ônibus.