Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Bebê abusada sexualmente é diagnosticada com DST

.

Caso é investigado pelo Nucria. Foto: Divulgação
Caso é investigado pelo Nucria. Foto: Divulgação

Uma criança de apenas 4 meses, vítima de abuso sexual, foi internada no Hospital da Criança João Vergas de Oliveira, em Ponta Grossa, no Paraná, com doença sexualmente transmissível (DST). A investigação do caso de estupro de vulnerável segue no Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (Nucria).

A Polícia Civil informou que a mãe percebeu uma mucosa estranha nas partes íntimas da bebê e procurou o hospital e o Conselho Tutelar. A menina foi diagnosticada com tricomoníase, doença transmitida exclusivamente pelo contato sexual.

Os médicos também confirmaram que não havia sinais de violência física na região íntima da criança, mas houve a possível coleta de esperma no material coletado nos órgãos genitais da criança. O material pode ajudar a identificar o estuprador e elucidar o caso.

Contudo, durante o interrogatório, a mãe foi evasiva sobre quem poderia ter abusado da criança. Durante a formalização do boletim de ocorrência, a mulher acabou presa, pois havia um mandado de prisão por assalto a mão armada em seu desfavor. 

A avó da criança também foi ouvida pela polícia. Ela informou que a filha é usuária de drogas e que a casa é frequentada por muitas pessoas. A polícia informou que vai procurar suspeitos e submetê-los ao exame. 

A polícia ressalta que mesmo que não tenha havido penetração, a bebê foi diagnosticada com uma doença sexualmente transmissível e isso comprova que ela foi vítima de abuso sexual.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber